SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.42 issue2Helicobacter pylori eradication using tetracycline and furazolidone versus amoxicillin and azithromycin in lansoprazole based triple therapy: an open randomized clinical trialPrevalence of heartburn and gastroesophageal reflux disease in the urban Brazilian population author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos de Gastroenterologia

Print version ISSN 0004-2803On-line version ISSN 1678-4219

Abstract

OLIVEIRA, Sandro Schreiber de; SANTOS, Iná da Silva dos; SILVA, José Francisco Pereira da  and  MACHADO, Eduardo Coelho. Prevalência e fatores associados à doença do refluxo gastroesofágico. Arq. Gastroenterol. [online]. 2005, vol.42, n.2, pp.116-121. ISSN 1678-4219.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-28032005000200010.

RACIONAL: A doença de refluxo gastroesofágico é uma patologia de elevada prevalência, variando entre 21% e 56% em diferentes países. OBJETIVO: Estudar a epidemiologia e a prevalência da doença de refluxo gastroesofágico na população adulta (20 anos ou mais de idade) da cidade de Pelotas, RS. METODOLOGIA: Estudo transversal de base populacional, com entrevistas domiciliares entre outubro de 1999 e janeiro de 2000. Analisou-se por regressão logística a associação da doença de refluxo gastroesofágico com idade, sexo, cor da pele, escolaridade, renda per capita, estado civil, variáveis emocionais (insônia, eventos estressantes negativos e mal-estar psicológico), índice de massa corporal, tabagismo e consumo semanal de bebidas alcoólicas. RESULTADOS: Foram entrevistados 3.934 indivíduos, encontrando-se prevalência de 31,3% (IC 95% 29,9% - 32,8%). Após análise ajustada para controle de confusão encontrou-se associado com a doença de refluxo gastroesofágico o sexo feminino, viver sem companheiro(a), baixa escolaridade, presença de insônia, baixos índices de bem-estar psicológico, ocorrência de eventos estressantes e obesidade ou sobrepeso. CONCLUSÃO: A doença de refluxo gastroesofágico é uma patologia de elevada prevalência na população estudada, sendo o sexo, as variáveis antropométricas e as características emocionais, seus principais fatores associados.

Keywords : Refluxo gastroesofágico [epidemiologia]; Prevalência; Fatores de risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License