SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue4Clinical characteristics of pediatric patients with chronic constipation according to age groupNon alcoholic fatty liver disease: treatment with soluble fibres author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivos de Gastroenterologia

Print version ISSN 0004-2803

Abstract

SCHNEIDER, Ana Cláudia Reis; PINTO, Raquel Borges  and  SILVEIRA, Themis Reverbel da. Determinação de risco nutricional e desnutrição por antropometria em crianças e adolescentes com cirrose. Arq. Gastroenterol. [online]. 2007, vol.44, n.4, pp. 345-349. ISSN 0004-2803.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-28032007000400012.

RACIONAL: A desnutrição é achado freqüente em adultos com cirrose, mas a prevalência de risco nutricional e de desnutrição é pouco conhecida em pacientes pediátricos. OBJETIVO: Avaliar a ocorrência de risco nutricional e desnutrição em pacientes pediátricos com cirrose atendidos regularmente no Setor de Gastroenterologia Pediátrica do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, RS. MÉTODOS: Estudo transversal com 42 crianças e adolescentes cirróticos com idades entre 3 meses e 18 anos. O estado nutricional foi determinado por escores Z de peso para idade, estatura para idade, índice de massa corporal e percentis para a prega cutânea tricipital e circunferência muscular do braço. Consideraram-se pacientes em risco nutricional aqueles com escore <-1,28 Z, correspondente ao percentil <10, e desnutridos aqueles com escore <-2,0 Z, correspondente ao percentil <3. Segundo o critério de Child-Pugh, 22 pacientes foram classificados como A (leve intensidade), 15 como B (moderada) e 5 como C (grave). RESULTADOS: As médias e desvios-padrão dos escores Z de peso para idade, estatura para idade e índice de massa corporal foram respectivamente - 0,38 ± 1,4 DP, - 0,83 ± 1,16 DP e 0,17 ± 1,3 DP. A prega cutânea tricipital e a circunferência muscular do braço apresentaram medianas no percentil 25. Encontraram-se em risco nutricional 3/42 pacientes (peso para a idade), 8/42 (estatura para idade), 12/37 (prega cutânea tricipital), 9/37 (circunferência muscular do baço) e 2/38 (índice de massa corporal); desnutridos 6/42 (peso para a idade), 7/42 (estatura para idade), 4/37(prega cutânea tricipital) e 4/37(circunferência muscular do braço) e 3/38 (índice de massa corporal). CONCLUSÃO: Os índices antropométricos mais comprometidos foram a relação estatura para idade e a prega cutânea tricipital. Ocorreu uma prevalência de 32,4% de risco nutricional determinado pela prega cutânea tricipital e 16,7% de desnutrição pela relação estatura para idade. A prega cutânea tricipital foi o indicador que melhor refletiu a presença de risco nutricional e o índice estatura para idade a desnutrição.

Keywords : Transtornos da nutrição infantil; Estado nutricional; Antropometria; Cirrose hepática; Adolescente; Criança.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese