SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.47 issue4Surgical site infections in adults patients undergoing of clean and contaminated surgeries at a university Brazilian hospitalA short review of the anthelmintic role of mirazid author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos de Gastroenterologia

Print version ISSN 0004-2803

Abstract

HAUBERT, Nadia Juliana Beraldo Goulart Borges et al. Esteatose experimental em diferentes tecidos induzida pela ingestão de dieta rica em carboidratos: efeito sobre o fígado, coração e indicadores do estresse oxidativo. Arq. Gastroenterol. [online]. 2010, vol.47, n.4, pp.388-392. ISSN 0004-2803.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-28032010000400013.

CONTEXTO: O padrão alimentar ocidental é caracterizado pela ingestão de dieta rica em açúcares simples. Esta alimentação é associada com comorbidades como, por exemplo, deposição de gordura no fígado e possivelmente relacionada com a esteatose hepática não-alcoólica. OBJETIVO: Avaliar a capacidade de uma alimentação hiperglicídica induzir esteatose em ratos Wistar adultos. Após administração de uma dieta rica em hidratos de carbono, foi avaliada a presença de esteatose hepática cardíaca e a presença de antioxidantes no fígado. MÉTODOS: Quarenta e seis ratos Wistar adultos eutróficos foram utilizados no experimento. Destes, 10 animais escolhidos por meio de sorteio simples (ao acaso) foram considerados controles e os demais pertencentes ao grupo experimental. Os animais controles receberam, durante todo experimento dieta usual do biotério. Os animais do grupo experimental, durante 21 dias, receberam dieta com 70% de sacarose. Ao final os animais foram sacrificados por decapitação e suas vísceras (fígado e coração) analisada quanto ao teor de gordura. As amostras de tecido hepático foram também analisadas quanto ao teor de antioxidantes (malondialdehido e glutationa reduzida) e vitamina E. RESULTADOS: A dieta hiperglicídica induziu a deposição de gordura no fígado, sendo os vacúolos lipídicos detectados em 83% das amostras no fígado (histologia). No coração foi detectado bioquimicamente aumento do percentual de gordura, sem a detecção de vacúolos lipídico por histologia. Os teores de malondialdehido e glutationa reduzida não foram diferentes entre os animais dos grupos controle e experimental. Por outro lado, os valores de vitamina E, no grupo experimental, foram significativamente inferiores ao do grupo controle. CONCLUSÃO: A dieta hiperglicídica induziu ao esteatose hepática. No coração houve maior deposição de lípides, embora a histologia não tenha mostrado alterações. Esta deposição, tanto no coração como no fígado, não pode ser explicada pelos indicadores de oxidação utilizados. No entanto, foram observados baixos níveis de vitamina E, que pode estar associada a esta indução de esteatose, principalmente, hepática.

Keywords : Fígado gorduroso; Carboidratos na dieta; Estresse oxidativo; Ratos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License