SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 número3Epilepsia refrataria a barbitúricos: esquema seguro para substituição de terapêutica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Arquivos de Neuro-Psiquiatria

versão impressa ISSN 0004-282X

Resumo

REIMAO, Rubens et al. Densidade dos movimentos oculares rápidos durante o sono ativo em recém-nascidos pré-termo. Arq. Neuro-Psiquiatr. [online]. 1986, vol.44, n.3, pp. 219-224. ISSN 0004-282X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X1986000300001.

A densidade dos movimentos oculares rápidos (REM) é índice utilizado rotineiramente na polissonografia de adultos para avaliação da atividade fásica durante o sono REM. Analisamos aqui a densidade REM em 28 recém-nascidos de 34 a 39 semanas de idade concepcional (IC). Densidade REM foi medida por dois critérios distintos: a - Densidade REM como relação entre a duração dos movimentos oculares rápidos e a dos períodos REM. Tais índices variavam de 10,6% a 14,1% e foram mais elevados no grupo de 36-37 semanas IC. A densidade do primeiro período REM era mais elevada que a média dos demais; b - Densidade REM como percentagem dos segmentos de 10 s de sono REM nos quais ocorriam movimentos oculares rápidos. Tal critério confirmou os limites estreitos dos índices nessa faixa etária (39,6-44,6%), os quais foram mais elevados no primeiro período REM e no grupo de 36-37 semanas IC Nossos dados sugerem que também nos recém-nascidos pré-termo a densidade REM é uma característica consistente da atividade fásica e seus níveis se mantêm próximos aos da população adulta, apesar da redução ontogenética gradual na duração do sono REM.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português