SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.64 issue1Basal ganglia calcification on computed tomography: clinical characteristics in 25 patientsNeuromodulatory effects of bromazepam when individuals were exposed to a motor learning task: quantitative electroencephalography (qEEG) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Arquivos de Neuro-Psiquiatria

Print version ISSN 0004-282X

Abstract

SAUER, Luciane et al. Processamento auditivo e SPECT em crianças com dislexia. Arq. Neuro-Psiquiatr. [online]. 2006, vol.64, n.1, pp. 108-111. ISSN 0004-282X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2006000100022.

Aplicamos em um grupo de 36 crianças os testes dicótico de dígitos, dicótico de dissílabos alternados e dicótico não-verbal, os quais fazem parte do conjunto de avaliação do processamento auditivo. As crianças foram divididas em dois grupos que foram correlacionados: grupo experimental (GE) formado por 18 crianças com diagnóstico de dislexia e 18 crianças normais compondo o grupo comparação (GC), sem queixa de aprendizagem e pareadas em relação a sexo, lateralidade e nível sócio-econômico ao GE. Realizamos o exame de imagem (SPECT) no GE. Encontramos em nosso estudo diferença estatisticamente significante entre os grupos (GE e GC) em todos os testes avaliados. Em relação ao SPECT, apesar de não encontrarmos diferença estatisticamente significante entre os resultados, pudemos observar que 50% dos sujeitos avaliados apresentaram alteração, sendo a maior parte em áreas do lobo temporal esquerdo. Concluímos que crianças com dislexia apresentam alterações do processamento neurológico central que podem ser detectadas tanto em testes específicos de processamento auditivo, quanto em exames funcionais de imagem como SPECT.

Keywords : dislexia; processamento auditivo; neuroimagem; teste dicótico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese