SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 númeroUNICORespostas do feijoeiro à aplicação de diversos tipos de matéria orgânica não decomposta, na presença de adubações minerais com P, PK, NPou NPKEfeito das variações do titulo e da irregularidade na resistência do fio de algodão índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Bragantia

versão impressa ISSN 0006-8705versão On-line ISSN 1678-4499

Resumo

FUZATTO, Milton Geraldo  e  FERRAZ, Carlos A. M.. Correlação entre o efeito da adubação potássica no algodoeiro e a análise química do solo. Bragantia [online]. 1967, vol.26, n.unico, pp.345-352. ISSN 0006-8705.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87051967000100026.

No estudo de 178 experimentos de adubação do algodoeiro realizados em vários tipos de solo do Estado de São Paulo, no período de 1957-65, foi encontrada correlação entre as respostas na produção, obtidas pela aplicação de 60 kg/ha de K2O, e os resultados revelados pela análise química do solo. Uma regressão múltipla de 1.° grau, descrevendo o efeito da adubação potássica em função da relação Ca++ /K+ e do teor de K+, elementos trocáveis no solo, revelou um coeficiente R = 0.804**, explicando cêrca de 65% da variação das respostas. Considerando as correlações simples lineares, a relação Ca++/K + explicou 59% do efeito da adubação, ao passo que a parte esclarecida pelo teor de K+, isoladamente, não ultrapassou os 23%. Nenhum ganho apreciável, em precisão, foi obtido pela introdução de uma função quadrática para descrever estas correlações.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons