SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.64 issue3Effect of the storage in the compatibility of fungicides and insecticides associated or not to a polymer in dry bean seed coatingSpatial and temporal variability of daily air temperature and precipitation data of the IAC weather station network, São Paulo State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Bragantia

On-line version ISSN 1678-4499

Abstract

POLVERENTE, Mariana Rios; FONTES, Diego Carneiro  and  CARDOSO, Antonio Ismael Inácio. Produção e qualidade de sementes de berinjela em função do horário de polinização manual. Bragantia [online]. 2005, vol.64, n.3, pp. 467-472. ISSN 1678-4499.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052005000300017.

O experimento foi desenvolvido na área experimental do Departamento de Produção Vegetal, setor de Horticultura, da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA), Universidade Estadual Paulista (UNESP), Câmpus Botucatu, com o objetivo de avaliar a produção e qualidade de sementes de berinjela (cultivar Embu), em função de diferentes horários de polinização. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, com sete tratamentos (polinização manual às 7 h; 9 h; 11 h; 13 h; 15 h; testemunha 1 = polinização natural, sem proteção da flor e testemunha 2 = polinização natural com proteção da flor com saco de papel), com quatro repetições e seis plantas por parcela. Obteve-se menor produção e qualidade das sementes quando a flor foi previamente protegida. Com a polinização natural, sem proteção da flor, os resultados foram mais elevados aos das polinizações manuais, com maior massa, comprimento, diâmetro dos frutos e produção de sementes por fruto. A polinização natural, sem proteção da flor, possibilitou, ainda, a obtenção de sementes com similares germinação e vigor em relação aos demais processos.

Keywords : Solanum melongena L.; polinização natural.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese