SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.69 issue4Technological quality at different portions of the stalk and productivity of sugarcane under effect of ripenersRooting of nodal segments of fig tree author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Bragantia

Print version ISSN 0006-8705

Abstract

ZARATE, Néstor Antonio Heredia et al. Brotação e produção de mandioquinha-salsa 'Amarela de Carandaí', proveniente de mudas desinfectadas com óleo de eucalipto e enraizadas em bandejas. Bragantia [online]. 2010, vol.69, n.4, pp.871-875. ISSN 0006-8705.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052010000400012.

Objetivou-se avaliar a brotação das mudas e a produção de mandioquinha-salsa 'Amarela de Carandaí', provenientes de mudas desinfectadas com óleo de eucalipto e enraizadas em bandejas de isopor. No pré-enraizamento em bandejas, utilizou-se a matriz experimental Plan Puebla III para combinar concentrações de óleo de eucalipto e tempos de imersão, respectivamente: 0,6%/36 s; 1,4%/36 s; 0,6%/84 s; 1,4%/84 s; 1,0%/60 s; 0,1%/36 s; 1,9%/84 s; 0,6%/6 s e 1,4%/114 s, mais uma testemunha (0,0%/0 s). No campo, utilizaram-se 10 mudas por parcela e seis tratamentos: 0,6% s; 36 s; 0,6%/84 s; 1,0%/60 s; 0,1%/36 s; 0,6%/6 s e 0,0%/0 s. Maiores porcentagens de mudas brotadas e altura de plantas foram obtidas nos tratamentos onde se utilizaram concentrações de óleo de eucalipto menores que 1,0% e na testemunha. As maiores massas frescas de raízes comerciais, nas colheitas aos 264 dias após o plantio, foram obtidas nos tratamentos 0,6%/36 s, 0,6%/84 s e 1,0%/60 s. Houve queima das folhas provocadas por Alternaria sp e Septoria sp., com maior intensidade aos 111 dias após o plantio, associadas e sem possibilidade de quantificação isoladamente. Concluiu-se que, para se obter maior produção de raízes comerciais, as mudas devem ser desinfectadas em solução aquosa com doses de 0,6% ou 1,0% de óleo de eucalipto e imersão em tempos de 36 s a 84 s, sendo a colheita aos 264 dias após o plantio.

Keywords : Arracacia xanthorrhiza; controle alternativo de doenças; pré-enraizamento.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License