SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70 issue3Effect of plant densities and harvest dates on the production of sweet cassava rootsSpatial variability of Diatraea saccharalis populations in sugarcane fields and suggestion of sampling method author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Bragantia

Print version ISSN 0006-8705

Abstract

FISCHER, Ivan Herman et al. Danos em pós-colheita de goiabas na Região do Centro-Oeste Paulista. Bragantia [online]. 2011, vol.70, n.3, pp. 570-576.  Epub Sep 30, 2011. ISSN 0006-8705.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052011005000009.

As doenças pós-colheita representam sério obstáculo à cultura da goiaba, uma vez que comprometem a qualidade e a quantidade dos frutos para comercialização. Neste estudo, foram identificadas e quantificadas injúrias mecânicas decorrentes dos processos de colheita e transporte das goiabas. Além disso, avaliou-se a incidência de doenças pós-colheita e pragas em goiabas da cultivar 'Pedro Sato' comercializadas na CEASA-Bauru e em goiabas das cultivares 'Pedro Sato' e 'Paluma' de pomares do Centro-Oeste paulista. Os frutos de goiaba amostrados em quatro etapas da colheita (colheita com luva, sacola do colhedor, contentor e barracão) e na CEASA foram armazenados durante nove dias a 25 ºC. A incidência de injúrias foi avaliada visualmente a cada três dias. A ocorrência de frutos com podridões foi superior na goiaba 'Pedro Sato' (92,0% a 96,6%) comparada a 'Paluma' (77,1%) no fim do armazenamento. A antracnose foi a principal doença nas duas cultivares, seguida pela pinta-preta. A incidência de injúrias mecânicas foi crescente no decorrer das etapas de colheita, entretanto, não influenciaram no aparecimento das podridões. Elevada infestação de moscas-das-frutas foi constatada na goiaba 'Paluma'.

Keywords : Colletotrichum spp; doenças pós-colheita; Guignardia psidii; Psidium guajava.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese