SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70 issue3Influence of physical wound on the postharvest physiology of tannia leavesMinimum temperature over short grass in Santa Maria, RS: climatology, interannual variability, and historical trend author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Bragantia

Print version ISSN 0006-8705

Abstract

TEIXEIRA, Rosângela et al. Efeito do ensacamento dos frutos no controle de pragas e doenças e na qualidade e maturação de maçãs 'Fuji Suprema'. Bragantia [online]. 2011, vol.70, n.3, pp. 688-695. ISSN 0006-8705.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87052011000300027.

O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficiência de embalagens de diferentes materiais para a proteção contra pragas e doenças e seu efeito sobre a qualidade físico-química, maturação e teor de cálcio (Ca) em maçãs 'Fuji Suprema'. O experimento foi desenvolvido nas safras de 2007/2008 e 2008/2009, em pomar manejado sob o sistema orgânico, localizado na região de São Joaquim (SC). O pomar era composto por plantas de dez anos de idade da cultivar Fuji Suprema, sobre porta-enxerto 'Marubakaido', com interenxerto 'EM-9'. Depois do raleio manual, aproximadamente 40 dias após a plena floração, os frutos foram ensacados com embalagens plásticas transparentes microperfuradas ou de tecido não texturizado (TNT). Os frutos foram mantidos ensacados até a colheita. A testemunha foi constituída por frutos não ensacados. Na colheita, os frutos foram avaliados quanto aos danos provocados por mosca-das-frutas (Anastrepha fraterculus), mariposa oriental (Grapholita molesta) e lagarta enroladeira (Bonagota salubricola). As doenças foram avaliadas pela incidência de sarna da macieira (Venturia inaequalis), podridão amarga (Colletotrichum gloeosporioides) e podridão carpelar (Alternaria sp., Fusarium sp.). Também foi avaliada a incidência de distúrbios fisiológicos "russeting" e "bitter pit", atributos físico-químicos de maturação e qualidade e o teor de Ca nos frutos. Independentemente do tipo de embalagem verificou-se que o ensacamento é prática eficaz na proteção contra o ataque de insetos, mas não reduz a incidência e o desenvolvimento de doenças nos frutos. Na safra de 2008/2009, o ensacamento dos frutos aumentou o teor de Ca e reduziu a incidência de "bitter pit", e aumentou a incidência do "russeting". O ensacamento dos frutos antecipou a maturação, especialmente com embalagem plástica transparente microperfurada, e reduziu a coloração vermelha, especialmente com embalagem TNT.

Keywords : Agroecologia; qualidade físico-química; Malus domestica; manejo de pragas e doenças.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese