SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número69Neurobiologia das plantas: uma perspectiva interespecífica sobre o debateVirtualidade e equivocidade do ser nos xamanismos ameríndios índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista do Instituto de Estudos Brasileiros

versão impressa ISSN 0020-3874versão On-line ISSN 2316-901X

Resumo

MARRAS, Stelio. Por uma antropologia do entre: reflexões sobre um novo e urgente descentramento do humano. Rev. Inst. Estud. Bras. [online]. 2018, n.69, pp.250-266. ISSN 2316-901X.  https://doi.org/10.11606/issn.2316-901x.v0i69p250-266.

Neste artigo pretende-se refletir sobre problemas de antropologia contemporânea visando a ressituar o objeto da disciplina (o humano e suas relações) face às crescentes ameaças ecológicas do presente e do futuro desse presente. Tais problemas apontam para um novo descentramento do humano em relação ao cosmos, o que implica repor a pergunta sobre quem ou o que mesmo descrevemos em nossas etnografias. A realidade humana será a realidade do humano? O desafio é o de encarar o fundamento inerentemente antropocêntrico da antropologia (como, de resto, das ciências sociais e das humanidades) como condição para engendrarmos descrições mais realistas que respondam a esse descentramento e abram passagem a abordagens que permitam reconhecer novas coalizões políticas (se não melhor, cosmopolíticas) que apontem para continuidades entre humanos e seus mundos, conforme indica parte importante do pensamento contemporâneo.

Palavras-chave : Entreviver; ameaças ecológicas; Antropoceno; cosmopolítica.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )