SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 issue3Lactose malabsorption in children and adolescents: diagnosis through breath hydrogen test using cow milkThe use of CRIB score for predicting neonatal mortality risk author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

BRAGA, Taciana D. de A.  and  LIMA, Marília de C.. Razão peso/comprimento: um bom indicador do estado nutricional em recém-nascidos a termo?. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2002, vol.78, n.3, pp. 219-224. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572002000300010.

Objetivo: uma avaliação acurada do estado nutricional da criança ao nascer tem importância na identificação precoce de eventos mórbidos relacionados com a aceleração ou desaceleração do crescimento intra-útero. Os índices antropométricos resultantes das razões entre o peso e o comprimento e aqueles que resultam da razão entre o perímetro braquial e o perímetro cefálico podem ser uma alternativa, dentro da antropometria, para esse fim. O objetivo principal deste estudo foi verificar o grau de correlação entre a prega cutânea triciptal e os índices antropométricos - índice ponderal de Rohrer, índice de massa corpórea, razão peso/comprimento, razão perímetro braquial/perímetro cefálico - utilizados como critério de avaliação do estado nutricional de recém-nascidos. Métodos: realizou-se um estudo de corte transversal em 390 recém-nascidos a termo na maternidade do Centro de Atenção à Saúde da Mulher do Instituto Materno-Infantil de Pernambuco, no período de maio a julho de 1999. Os recém-nascidos foram avaliados quanto ao peso, comprimento, perímetros cefálico e braquial e prega cutânea triciptal. Resultados: os resultados mostraram que os índices antropométricos apresentaram correlação significante com a prega cutânea triciptal, tendo sido a razão simples entre o peso e o comprimento aquele que se correlacionou mais fortemente (r = 0,63; p <0,001), seguido da razão perímetro braquial/perímetro cefálico (r = 0,59; p <0,001). O índice ponderal de Rohrer foi o que se correlacionou mais fracamente com a prega cutânea triciptal (r = 0,43; p <0,001). A análise de regressão linear múltipla mostrou que a razão peso/comprimento teve uma melhor correlação com a prega cutânea. Conclusões: concluímos que, dentre os índices antropométricos estudados, a razão simples entre o peso e o comprimento mostrou-se como a melhor alternativa para a avaliação do estado nutricional ao nascimento.

Keywords : Crescimento intra-útero; índices antropométricos; prega cutânea triciptal; avaliação nutricio-nal; razão peso/comprimento; razão perímetro braquial/perímetro cefálico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese