SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 issue4Evaluation of the hypothalamic-pituitary-thyroid axis in children with Down syndromeAutoimmune hepatitis in children and adolescents: clinical study, diagnosis and therapeutic response author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

GOMES, Waldelene de A. et al. Nível de informação sobre adolescência, puberdade e sexualidade entre adolescentes. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2002, vol.78, n.4, pp. 301-308. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572002000400009.

Objetivo: avaliar o nível de informação sobre adolescência, puberdade e sexualidade entre os adolescentes de 10 a 14 anos das escolas municipais de Feira de Santana, Bahia, no ano de 2000. Métodos: estudo de corte transversal, com amostragem aleatória, representativa, estratificada e proporcional (400) ao total de 6.419 estudantes matriculados. Foi estudado o nível de informação por idade, sexo e série de estudo. Os dados foram coletados com questionário específico, auto-aplicável, sigiloso, pré-testado, atribuindo-se escala de valores (escore) - satisfatório, regular e insatisfatório, conforme acertos, percentuais, e proporcionais aos temas pesquisados. A inferência estatística foi calculada pelo qui-quadrado (x2), com nível de significância de 5%, e as análises bivariada e mutivariada realizadas pela razão de prevalência simples e ajustada Resultados: altas proporções do nível de informação insatisfatório sobre os temas, com destaque nas idades de dez (69,2%) e onze anos (70,6%), sexo feminino (61,7%) e quarta (82,8%) e quinta séries (61,1%). O nível de informação por sexo, ajustado à série e à idade, apontou que o sexo feminino tinha, respectivamente, 1,30 e 1,27 vezes maior chance do nível insatisfatório em relação ao masculino. A análise do nível de informação por série, ajustado à idade, mostrou que as quarta e quinta séries tinham 2,32 vezes maiores chances do nível insatisfatório, comparado às sexta e oitava séries, com diferenças significantes (p<0,05). Conclusões: alta prevalência do nível de informação insatisfatório, com associação significante nas idades de dez a onze anos nas quarta e quinta séries e no sexo feminino, indicando necessidade de ações educativas sobre saúde e sexualidade no início da adolescência, nas escolas municipais.

Keywords : nível de informação; adolescência; puberdade; sexualidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese