SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 issue5Assessment of pulmonary function of preterm newborn infants with respiratory distress syndrome at different positive end expiratory pressure levelsAcute disease of the lower airways in children under five years of age: role of domestic environment and maternal cigarette smoking author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

SILVA, Denise Bousfield da; PIRES, Maria Marlene de Souza  and  NASSAR, Silvia Modesto. Câncer pediátrico: análise de um registro hospitalar. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2002, vol.78, n.5, pp. 409-414. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572002000500012.

Objetivo: analisar um registro hospitalar de câncer pediátrico, descrevendo a ocorrência de casos novos; verificar a relação com sexo, idade, raça e extensão clínica da doença; relatar a mortalidade das crianças com câncer; explorar a associação de casos novos com as variáveis demográficas propostas, extensão clínica da doença e status vital. Métodos: estudo observacional, descritivo, longitudinal em crianças até a idade de 14 anos completos, procedentes de Santa Catarina. As 371 crianças portadoras de casos novos de câncer foram atendidas no ambulatório de referência regional entre 1994 e 1998, e registradas segundo a Classificação Internacional do Câncer na Infância. Foi aplicada a análise de correspondência múltipla para avaliar as variáveis categóricas. Resultados: foram registrados 371 casos novos de câncer, com distribuição constante por ano, no período estudado. O câncer ocorreu no pré-escolar em 41,5%, e no sexo masculino em 55,8%. A leucemia foi observada em 36,6%. O estádio não localizado da doença na ocasião do diagnóstico ocorreu em 55,7%. Foram a óbito 55,7% dos casos com doença não localizada, e 16,3% com doença localizada. No término do estudo, 58,8% das crianças estavam vivas. Conclusão: observa-se predomínio do câncer no pré-escolar e no sexo masculino. A leucemia é o câncer mais freqüente. A doença não localizada predomina na ocasião do diagnóstico. A freqüência de óbito é mais elevada no grupo com doença não localizada. Há associação direta com doença localizada, status vital vivo, escolar, adolescente e sexo feminino; e para doença não localizada, com óbito, lactente, pré-escolar e sexo masculino.

Keywords : neoplasias; pediatria; registros hospitalares; epidemiologia descritiva; análises descritivas e exploratórias.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese