SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 suppl.2Prophylactic treatment of asthmaSurgical treatment of parapneumonic pleural effusion and its complications author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

On-line version ISSN 1678-4782

Abstract

AMANTEA, Sérgio Luís; SANCHEZ, Ignacio; PIVA, Jefferson Pedro  and  GARCIA, Pedro Celiny Ramos. Controvérsias no manejo farmacológico da asma aguda infantil. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2002, vol.78, suppl.2, pp. 151-160. ISSN 1678-4782.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572002000800006.

Objetivos: apresentar uma revisão acerca de questões controversas, relativas ao manejo farmacológico utilizado nos pacientes pediátricos portadores de asma aguda. Fontes dos dados: foram utilizadas informações de artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, selecionadas das bases de dados Lilacs e Medline. Síntese dos dados: o artigo foi estruturado em tópicos, apresentando aspectos consensuais no tratamento farmacológico da asma infantil. Questões relacionadas à utilização de inaladores dosimetrados versus nebulizadores, o papel das drogas ß2-adrenérgicas utilizadas pela via endovenosa, bem como das metilxantinas e do sulfato de magnésio, são abordados de maneira crítica. Conclusões: os ß2-agonistas administrados pela via inalatória, associados aos coricosteróides, permanecem o tratamento de eleição para episódios agudos de asma na população pediátrica. Tanto os nebulizadores quanto os inaladores dosimetrados, acoplados a espaçadores, são efetivos para alívio dos sintomas agudos. Pacientes refratários ao tratamento convencional, que evoluem para quadros de asma aguda grave, devem ter considerada a utilização de drogas ß2-agonistas pela via endovenosa, desde que adequadamente monitorizados. Quanto às metilxantinas e ao sulfato de magnésio, devem ser considerados alternativas secundárias para pacientes selecionados.

Keywords : asma aguda; beta-agonistas; sulfato de magnésio; aminofilina.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License