SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.79 issue2Infantile colic incidence and associated risk factors: a cohort study author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

CAUDURO, Sydney M.. Atresia biliar extra-hepática: métodos diagnósticos. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2003, vol.79, n.2, pp. 107-114. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572003000200004.

OBJETIVO: enfatizar a importância do diagnóstico precoce da atresia biliar extra-hepática e sua relação direta com o restabelecimento cirúrgico do fluxo biliar antes do segundo mês de vida, discutindo os diversos métodos complementares utilizados, objetivando selecionar os de maior evidência, evitando retardo diagnóstico e, conseqüentemente, piora do prognóstico. MÉTODO: pesquisa bibliográfica referente ao período de 1985 a 2001, no Medline e MdConsult, através das palavras-chaves: colestase neonatal, atresia biliar extra-hepática e hepatite neonatal. Também foram selecionados artigos nacionais e estrangeiros a partir da bibliografia das publicações consultadas e, quando necessário, para melhor entendimento do tema, opiniões emitidas em teses e livros-textos foram referidas. RESULTADOS: a revisão da bibliografia consultada permite afirmar que o diagnóstico precoce das AVBEH e tratamento cirúrgico para restabelecer o fluxo biliar até 60 dias de vida são fundamentais na obtenção de bons resultados. Entre os diversos métodos complementares de diagnóstico, a colangiografia por RM, US e a biópsia hepática são os que proporcionam os maiores índices de acerto. CONCLUSÕES: o encaminhamento de pacientes portadores de AVBEH para centros de referências no Brasil ainda é efetuado tardiamente, provavelmente pela falta de esclarecimento dos médicos de atenção primária, aliada às dificuldades burocráticas e tecnológicas. A experiência da Inglaterra em relação ao programa "Alerta Amarelo", permitiu que o número de crianças encaminhadas para tratamento cirúrgico antes dos 60 dias de vida aumentasse significativamente. Entre os métodos complementares, a colangiografia por RM, a US e a biópsia hepática deverão ser utilizados, dependendo dos recursos tecnológicos das unidades de diagnóstico.

Keywords : atresia biliar extra-hepática; colestase neonatal; hepatite neonatal; diagnóstico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese