SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.80 issue2Clinical diagnosis of bladder dysfunction in enuretic children and adolescentsReflex sympathetic dystrophy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

RUIZ JR., Everaldo; VALERA, Elvis T.; VERISSIMO, Francisco  and  TONE, Luiz G.. Uso de OK-432 em crianças com linfangioma. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2004, vol.80, n.2, pp. 154-158. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572004000200014.

OBJETIVO: Relatar a experiência no uso do OK-432 para tratamento de linfangiomas em crianças. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 19 crianças com linfangioma tratadas com OK-432 no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP, durante o período de 1999 a 2003. RESULTADOS: Todos os pacientes apresentaram alguma resposta ao OK-432, 12 pacientes apresentaram regressão total, sete apresentaram regressão parcial variando de 50% a 80%. Os pacientes apresentaram febre após a aplicação da droga com duração de 2 a 10 dias. Não se observaram cicatrizes após a aplicação do OK-432. CONCLUSÕES: A droga OK-432 é segura, eficaz e pode ser utilizada como primeira escolha no tratamento de pacientes com linfangiomas devido à excelente resposta, podendo tornar desnecessária a realização de cirurgia. Em pacientes com resposta parcial, podem ser realizadas novas aplicações de OK-432 ou cirurgia menos mutilante, devido à redução das dimensões da lesão.

Keywords : Linfangioma; OK-432; criança; agentes esclerosantes.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese