SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.81 issue2Nasopharyngeal colonization by Streptococcus pneumoniae in children with sickle cell disease receiving prophylactic penicillinPlasma vitamin A levels in deprived children with pneumonia during the acute phase and after recovery author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

RAMOS-SILVA, Valmin et al. Lesões pulmonares e nutrição parenteral total em crianças internadas em unidade de terapia intensiva pediátrica. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2005, vol.81, n.2, pp. 155-161. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572005000300012.

OBJETIVO: Descrever as lesões pulmonares em uma série de necropsias de pacientes com idade de até 15 anos, falecidos em unidade de terapia intensiva, submetidos ou não à nutrição parenteral total. MÉTODOS: Seis fragmentos de cada pulmão de 114 crianças foram corados por métodos de rotina. Dos prontuários foram obtidas informações referentes aos dados demográficos, clínicos e de terapêutica. Para a análise estatística, foi utilizado o Programa Statistical Package for the Social Sciences. RESULTADOS: Os 114 pacientes foram separados em dois grupos: 50 foram tratados com NPT contendo emulsão de lipídios e os 64 restantes, sem nutrição parenteral total. Os grupos eram semelhantes em relação ao sexo (p = 0,654), à idade (p = 0,682) e ao peso (p = 0,175), e apresentavam diferenças significativas no que tange às seguintes variáveis: tempo de internação (p = 0,000), prematuridade (p = 0,008) e tratamento com hemoderivados (p = 0,009). Todos foram submetidos à ventilação mecânica durante o período de internação. Na análise univariada, as lesões relacionadas à nutrição parenteral total foram: dano alveolar difuso (p = 0,022), fibrose pulmonar (p = 0,019), hiperplasia de pneumócitos (p = 0,004), microtromboembolismo (p = 0,047) e tromboflebite (p = 0,033). A análise multivariada, levando em consideração a prematuridade, o tempo de internação e a idade, mostrou que apenas a fibrose estava relacionada, de modo independente, ao uso da nutrição parenteral total. CONCLUSÃO: Embora as lesões pulmonares tenham sido mais freqüentes em pacientes tratados com nutrição parenteral total, não foi possível concluir que essa tenha sido diretamente responsável pela origem das lesões, tendo em vista que co-fatores como prematuridade e tempo de internação influenciaram significativamente no seu aparecimento.

Keywords : Nutrição parenteral; pulmão; patologia.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese