SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.82 issue5Fractional sodium excretion, urinary osmolality and specific gravity in preterm infants fed with fortified donor human milk author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

BITTENCOURT, Paulo F. S.; ROCHA, Gifone A.; PENNA, Francisco J.  and  QUEIROZ, Dulciene M. M.. Úlcera péptica gastroduodenal e infecção pelo Helicobacter pylori na criança e adolescente. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2006, vol.82, n.5, pp. 325-334. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572006000600004.

OBJETIVO: Apresentar aspectos relevantes relativos à úlcera péptica gastroduodenal e à infecção pelo Helicobacter pylori na criança e adolescente. FONTES DOS DADOS : Livros técnicos e bases de dados MEDLINE e LILACS de 1966 a 2006. SÍNTESE DOS DADOS : A úlcera péptica na criança e adolescente pode ser primária, associada à infecção pelo H. pylori, ou secundária, na qual os mecanismos etiopatogênicos dependem da doença de base. A infecção é adquirida predominantemente na infância, com taxas de prevalência que variam de 56,8 a 83,1% nas crianças que vivem nas regiões mais pobres do Brasil e de aproximadamente 10% nas crianças abaixo de 10 anos de idade nos países desenvolvidos. A infecção pode ser diagnosticada por métodos invasivos, que investigam a presença da bactéria, ou de DNA, RNA ou produtos bacterianos em fragmentos de biópsia da mucosa gástrica obtida à endoscopia; também pode ser diagnosticada através de métodos não-invasivos, que compreendem a pesquisa de anticorpos anti-H. pylori em amostras de soro, urina ou saliva, a pesquisa de antígenos da bactéria nas fezes e o teste respiratório com uréia marcada com carbono-13. O método de escolha para o diagnóstico da úlcera péptica é a endoscopia digestiva alta, com a vantagem adicional de, durante o procedimento, permitir a obtenção de fragmentos de mucosa gástrica para o diagnóstico da infecção e estudo histopatológico. CONCLUSÕES: A infecção por H. pylori é a principal causa de úlcera péptica na infância. A erradicação da bactéria com antimicrobiano é acompanhada de cura da doença, sendo, portanto, indicada em todas as crianças H. pylori-positivas com úlcera péptica em atividade, recorrente, cicatrizada ou complicada.

Keywords : Úlcera péptica; etiologia; fisiopatologia; diagnóstico; Helicobacter pylori; criança; adolescente.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese