SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.82 issue6Impact of weekly treatment with ferrous sulfate on hemoglobin level, morbidity and nutritional status of anemic infantsPeak expiratory flow monitoring in asthmatic children author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

BARROS, Juliana R. C.; BECKER, Helena M. G.  and  PINTO, Jorge A.. Avaliação de atopia em crianças respiradoras bucais atendidas em centro de referência. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2006, vol.82, n.6, pp. 458-464. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572006000800011.

OBJETIVO: Respirador bucal é o indivíduo que utiliza a cavidade oral como principal via aérea durante a respiração. Trata-se de síndrome de múltiplas etiologias, dentre as quais a rinite alérgica merece destaque por sua alta prevalência. Este trabalho teve como objetivo avaliar a presença de atopia entre respiradores bucais encaminhados a serviço de referência da região metropolitana de Belo Horizonte. MÉTODOS: Estudo transversal e descritivo, realizado no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais. Foram incluídos pacientes de 2 a 12 anos de idade, com período de admissão entre novembro de 2002 e abril de 2004. Os responsáveis responderam a um questionário completo, e os pacientes foram submetidos a teste alérgico cutâneo para inalantes. Houve 140 participantes do estudo. Foram classificados como atópicos aqueles que apresentaram teste positivo para, no mínimo, um alérgeno. As análises estatísticas foram feitas no programa SPSS, usando análises univariadas seguidas pela regressão logística. RESULTADOS: Entre os 140 pacientes, 44,3% (62/140) tiveram teste alérgico positivo. Ácaros foram os alérgenos predominantes, apresentando positividade em 100% dos atópicos. Em análise multivariada, atopia esteve significativamente associada ao sexo masculino (p = 0,05), presença de asma (p = 0,014), menor número de pessoas dormindo no mesmo cômodo que o paciente (p = 0,005), ausência de tabagismo passivo (p = 0,005) e ausência de apnéia noturna (p = 0,003). CONCLUSÃO: A alta prevalência de positividade no teste alérgico enfatiza a importância da investigação alergológica em respiradores bucais, pois a alergia tem formas específicas de tratamento que podem reduzir a morbidade desses pacientes quando adequadamente utilizadas.

Keywords : Hipersensibilidade imediata; rinite alérgica; respirador bucal; alérgenos; ácaros.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese