SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.83 issue1Socioeconomic and dietary risk factors for anemia in children aged 6 to 59 monthsFeeding habits of children aged 6 to 12 months and associated maternal factors author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

VITOLO, Márcia R.; CAMPAGNOLO, Paula D. B.  and  GAMA, Cíntia M.. Fatores associados ao risco de consumo insuficiente de fibra alimentar entre adolescentes. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2007, vol.83, n.1, pp. 47-52. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572007000100009.

OBJETIVO: Avaliar o consumo de fibra alimentar entre adolescentes e analisar os fatores associados ao risco de consumo insuficiente desse nutriente. MÉTODOS: Estudo transversal com 722 adolescentes da cidade de São Leopoldo. O processo amostral deu-se por conglomerados por meio de sorteio sistemático de 40 setores censitários e domicílios, incluindo todos os indivíduos entre 10 e 19 anos. Foram obtidos peso e estatura dos adolescentes e dados sociodemográficos da família. Os métodos utilizados para avaliar o consumo alimentar foram o inquérito recordatório de 24 horas e o inquérito de freqüência. Para o cálculo da quantidade de fibra alimentar da dieta, foi utilizado o Programa de Apoio à Nutrição (Nutwin) do Departamento de Informática da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). A análise estatística foi realizada por meio de regressão logística, utilizando modelo hierárquico. RESULTADOS: A prevalência de consumo insuficiente de fibras foi de 69% nas meninas e 49,7% nos meninos (p < 0,001). Entre os meninos, os fatores que determinaram essa condição foram: consumo não habitual de feijão (OR 2,65; IC95% 1,05-6,68) e excessivo de lipídeo (OR 2,67; IC95% 11,23-5,83). Para as meninas, maior faixa etária (OR 5,33; IC95% 2,33-12,2), consumo não habitual de feijão (OR 3,01; IC95% 1,44-6,53), consumo excessivo de lipídeo (OR 1,85; IC95% 1,01-3,37), fazer dieta para perder peso (OR 2,50; IC95% 1,10-5,70) e presença de excesso de peso (OR 2,06; IC95% 1,04-4,07). CONCLUSÕES: Os resultados permitem concluir que a ingestão excessiva de gordura e o consumo não habitual de feijão estão fortemente associados ao risco de consumo insuficiente de fibra alimentar em ambos os sexos e que o sexo feminino apresenta mais fatores de risco para esse desfecho.

Keywords : Fibra na dieta; constipação; obesidade; adolescentes.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese