SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.83 issue3Coagulation disorder in children and adolescents with moderate to severe traumatic brain injury author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

On-line version ISSN 1678-4782

Abstract

LEITE, Maria das Graças da Cunha; GRANATO, Valéria de Araújo; FACCHINI, Fernando Perazzini  and  MARBA, Sérgio Tadeu Martins. Comparação entre a dosagem transcutânea e plasmática de bilirrubina. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2007, vol.83, n.3, pp. 283-286. ISSN 1678-4782.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572007000400015.

OBJETIVOS: Comparar dosagens transcutâneas de bilirrubina pelo Bilicheck com a dosagem plasmática capilar pelo bilirrubinômetro Unistat (Leica). MÉTODOS: Foram realizadas 200 dosagens concomitantes (transcutânea e plasmática), calculadas a correlação e concordância entre elas e feita avaliação da influência do peso de nascimento, raça, idade gestacional, idade pós-natal e uso de fototerapia. RESULTADOS: A correlação linear foi de 0,92, e a média da diferença entre as dosagens foi de 0,72 (±1,57) mg/dL, com intervalo de confiança em 95% de -2,42 a +3,86. A curva ROC realizada com a dosagem transcutânea em 14 mg/dL demonstrou melhor sensibilidade (88,2%) e especificidade (97,8%), com valor preditivo positivo de 78,9%, valor preditivo negativo de 98,9 e área abaixo da curva de 0,98. CONCLUSÃO: A dosagem realizada pelo Bilicheck pode substituir a dosagem plasmática capilar até o valor de 14 mg/dL. Acima deste nível, deve ser considerada apenas como rastreador na seleção de pacientes que devem ser submetidos a dosagem sangüínea.

Keywords : Bilirrubina; hiperbilirrubinemia; icterícia; recém-nascido; dosagem transcutânea de bilirrubina.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in Englishpdf in English | Portuguese Portuguese