SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.83 issue5The performance of parents of children receiving cow's milk free diets at indentification of commercial food products with and without cows's milkCompliance with inhaled corticosteroid treatment: rates reported by guardians and measured by the pharmacy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

FONTES, Maria Jussara F. et al. Diagnóstico precoce das faringoamigdalites estreptocócicas: avaliação pelo teste de aglutinação de partículas de látex. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2007, vol.83, n.5, pp. 465-470. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572007000600012.

OBJETIVOS: A faringoamigdalite aguda é uma das doenças mais freqüentes na prática pediátrica, sendo o estreptococo beta-hemolítico do grupo A (EBHGA) o agente etiológico bacteriano mais comum. O seu diagnóstico e tratamento adequados são importantes principalmente para a prevenção de seqüelas não-supurativas. Testes rápidos de detecção de antígenos do estreptococo do grupo A são uma ferramenta útil no diagnóstico das faringoamigdalites estreptocócicas, pela rapidez dos resultados, acurácia e baixo custo; no entanto, são pouco utilizados em nosso meio e pouco estudados em nosso país. O objetivo deste estudo foi avaliar a acurácia de um kit de teste rápido de detecção de antígeno do EBHGA comparado à cultura de suabe de orofaringe. MÉTODOS: Foram selecionadas crianças de 1 a 18 anos com diagnóstico clínico de faringoamigdalite aguda em serviços públicos de urgência e clínica privada de Belo Horizonte (MG), sendo excluídas as que haviam utilizado antibióticos até 30 dias antes da consulta. A amostra final incluiu 229 pacientes, que foram submetidos a coleta de dois suabes de orofaringe, um para o teste rápido para EBHGA e o outro enviado para cultura. RESULTADOS: Encontrou-se sensibilidade de 90,7%, especificidade de 89,1%, valor preditivo positivo de 72,1%, valor preditivo negativo de 96,9% e razão de verossimilhança positiva de 9,0 para o teste rápido utilizado comparado à cultura. CONCLUSÃO: O teste rápido utilizado apresentou boa correlação com a cultura, sendo, portanto, de grande utilidade na prática clínica para detecção do EBHGA.

Keywords : Faringite; tonsilite; Streptococcus pyogenes; diagnóstico; teste de fixação do látex.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese