SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.84 issue6Childhood autism: translation and validation of the Childhood Autism Rating Scale for use in BrazilUse of posterior fontanelle in the ultrasound diagnosis of intraventricular/periventricular hemorrhage author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

CHONG NETO, Herberto José; ROSARIO, Nelson Augusto  and  GRUPO EISL CURITIBA (ESTUDIO INTERNACIONAL DE SIBILANCIAS EN LACTANTES). Fatores de risco para sibilância no primeiro ano de vida. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2008, vol.84, n.6, pp. 495-502. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572008000700005.

OBJETIVO: Verificar os fatores de risco para sibilância em lactentes no sul do Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal, onde foram aplicados questionários padronizados e validados (Estudio Internacional de Sibilancias en Lactantes - EISL), aos pais de lactentes com idade entre 12 e 15 meses que procuraram 35 das 107 unidades de saúde para imunização rotineira no período entre agosto de 2005 e dezembro de 2006. Foi realizada análise univariada entre sibilância e os fatores estudados utilizando razão de prevalência (RP) e intervalo de confiança de 95% (IC95%). Fatores associados à sibilância na análise bivariada foram avaliados com a utilização de regressão de Poisson. RESULTADOS: Três mil e três lactentes participaram do estudo. Os fatores de risco para sibilância foram: gênero masculino (RP = 1,14; IC95% 1,05-1,24), história familiar de asma [mãe (RP = 1,18; IC95% 1,04-1,33); pai (RP = 1,20; IC95% 1,05-1,39); irmãos (RP = 1,23; IC95% 1,08-1,42)], outros animais domésticos (pássaros, coelhos, etc.) presentes durante a gravidez (RP = 1,28; IC95% 1,07-1,53), idade de início na creche [0-3 meses (RP = 1,15; IC95% 0,98-1,34); 4-6 meses (RP = 1,39; IC95% 1,24-1,55); 7-12 meses (RP = 1,20; IC95% 1,07-1,35)], seis ou mais episódios de resfriado (RP = 1,32; IC95% 1,21-1,44), história pessoal de dermatite (RP = 1,09; IC95% 1,003-1,19) e mofo no domicílio (RP = 1,14; IC95% 1,04-1,24). Imunização atualizada (RP = 0,79; IC95% 0,63-0,98) e banheiro no domicílio (RP = 0,83; IC95% 0,68-1,01) foram fatores de proteção. CONCLUSÃO: Os fatores de risco independentes para sibilância no primeiro ano de vida também são conhecidos como risco para asma em crianças e adolescentes. Esses dados são úteis para prever o diagnóstico de asma e instituição de medidas de prevenção quando cabíveis.

Keywords : Epidemiologia; lactente; sibilos; asma; fatores de risco.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese