SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.84 issue6Analysis of variables related to fatal outcomes of scorpion envenomation in children and adolescents in the state of Minas Gerais, Brazil, from 2001 to 2005Ascorbic acid supplementation has a cytoprotective effect on secondary biliary cirrhosis: experimental study in young rats author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

FOSCHINI, Denis et al. Plaqueta e leptina em adolescentes com obesidade. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2008, vol.84, n.6, pp. 516-521. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572008000700008.

OBJETIVOS: Analisar a influência de obesidade na contagem de células imunológicas e na concentração dos hormônios cortisol e leptina, a fim de estabelecer uma relação entre as variáveis analisadas. MÉTODOS: Foram recrutados 27 adolescentes obesos [índice de massa corporal (IMC) ≥ percentil 95[ e 21 não-obesos (IMC ≤ percentil 75), de ambos os sexos, com idade entre 15 e 19 anos, na fase pós-púbere. O IMC foi calculado através da divisão do peso pela altura ao quadrado e a composição corporal foi estimada por pletismografia no sistema Bod PodTM. Amostras de sangue foram colhidas para análise de leucócitos, neutrófilos, linfócitos, monócitos, plaquetas, cortisol e leptina. O teste de Kolmogorov-Smirnov foi utilizado, seguido pelo teste t de Student independente supondo distribuição normal. O nível de significância estabelecido foi p < 0,05 e expresso como média ± desvio padrão. Os dados foram analisados utilizando o programa SPSS para Windows versão 12.0. RESULTADOS: Não houve diferença entre o grupo obeso e o não-obeso na concentração sérica de leucócitos, neutrófilos, linfócitos, monócitos e cortisol. O grupo de adolescentes obesos apresentou maiores concentrações de plaquetas e leptina (p < 0,01). A prevalência de hiperleptinemia foi de 25,92% nos adolescentes obesos (15,38%, sexo masculino e 35,7%, feminino). CONCLUSÕES: Os adolescentes obesos apresentaram maiores concentrações de plaquetas e leptina em comparação aos não-obesos. Observou-se que as adolescentes obesas apresentaram maior prevalência de hiperleptinemia do que os adolescentes obesos.

Keywords : Adolescentes; obeso; não-obeso; leucócitos; cortisol; leptina.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese