SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.85 issue3Impact of obesity on metabolic syndrome components and adipokines in prepubertal childrenInfants choking following blind finger sweep author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

AL-MULLA, Naima; BENER, Abdulbari; AMER, Aliaa  and  LABAN, Mohammed Abu. Púrpura trombocitopênica idiopática na infância: estudo de base populacional no Catar. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2009, vol.85, n.3, pp. 269-272. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572009000300014.

OBJETIVO: Definir o padrão da púrpura trombocitopênica idiopática (PTI) (aguda/crônica), e descrever seus sintomas e características clínicas em crianças com menos de 14 anos de idade em uma sociedade árabe recentemente desenvolvida. MÉTODOS: Este estudo descritivo retrospectivo foi realizado no Departamento de Pediatria do Hospital Geral de Hamad, Hamad Medical Corporation, Catar. Foram incluídas neste estudo 50 crianças com idade inferior a 14 anos e diagnóstico de PTI durante o período de 2000 a 2005. RESULTADOS: Das crianças estudadas (50), 62% foram diagnosticadas com PTI aguda e 38% com PTI crônica. A PTI aguda foi mais prevalente em meninos (64,5%) em comparação com meninas (35,5%), enquanto que a PTI crônica apresentou uma distribuição quase igual em meninos (57,9%) e meninas (42,1%). História de infecção viral foi comum em casos de PTI tanto aguda (71%) quanto crônica (63,2%); 68% das crianças com PTI apresentaram contagem de plaquetas abaixo de 20x109/L ao diagnóstico. A maioria das crianças estudadas (74%) foi tratada com imunoglobulina intravenosa. CONCLUSÕES: O estudo revelou uma alta incidência de PTI entre as crianças no Catar. As descobertas do estudo são semelhantes às de outros relatos internacionais.

Keywords : Púrpura trombocitopênica idiopática; sangramento; esteroides; plaqueta.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese