SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.86 issue1Home-based palliative care: challenges in the care of technology-dependent childrenLipodystrophy syndrome and cardiovascular risk factors in children and adolescents infected with HIV/AIDS receiving highly active antiretroviral therapy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

PILEGGI, Cynthia; SOUZA, João P.; CECATTI, Jose G.  and  FAUNDES, Anibal. Abordagem do near miss neonatal no 2005 WHO Global Survey Brazil. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2010, vol.86, n.1, pp. 21-26. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572010000100005.

OBJETIVOS: Explorar o uso do conceito de near miss neonatal como uma ferramenta para a avaliação da qualidade do atendimento neonatal, já que 3 milhões de óbitos neonatais precoces ocorrem a cada ano em todo o mundo. A maioria desses óbitos é evitável e ocorre em países em desenvolvimento. MÉTODOS: Esta é uma análise secundária do 2005 WHO Global Survey on Maternal and Perinatal Health, um estudo transversal. Nossa análise incluiu dados de 19 hospitais brasileiros selecionados aleatoriamente. Uma definição pragmática de near miss neonatal foi desenvolvida e testada. Os indicadores de near miss foram calculados. RESULTADOS: Entre os 15.169 nascidos vivos incluídos nesta análise, 424 apresentaram pelo menos uma das seguintes condições: muito baixo peso ao nascer, menos de 30 semanas de gestação ao nascer ou escore de Apgar aos 5 minutos de vida menor que 7. De acordo com a definição operacional, esses sobreviventes de condições com risco de vida foram considerados casos de near miss. A taxa de mortalidade neonatal precoce foi de 8,2/1.000 nascidos vivos, e a taxa de near miss neonatal foi de 21,4 casos/1.000 nascidos vivos. Variações substanciais na mortalidade entre recém-nascidos com condições com risco de vida ao nascer foram observadas, o que sugere a existência de questões relacionadas à qualidade do atendimento intra-hospitalar. CONCLUSÃO: O conceito de near miss e os indicadores forneceram informações que poderiam ser úteis para avaliar a qualidade do atendimento e para estabelecer prioridades para outras avaliações e para a melhoria da atenção à saúde dos recém-nascidos.

Keywords : Near miss neonatal; mortalidade neonatal precoce; avaliação da qualidade do atendimento.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese     · press release in English | Portuguese