SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.87 issue6Analysis of serum and supplemented vitamin C and oxidative stress in HIV-infected children and adolescentsBreaking barriers: a competency-based framework for promoting the integration of the pediatrician's education author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

YıLDıRıM, Faruk et al. Aumento do estresse oxidativo em pré-escolares expostos ao tabagismo passivo. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2011, vol.87, n.6, pp. 523-528. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572011000600011.

OBJETIVOS: Estudar o efeito do fumo passivo sobre o estado plasmático oxidativo e antioxidativo em pré-escolares fumantes passivos e compará-los com controles. MÉTODOS: Trinta e quatro pré-escolares fumantes passivos (cinco a 50 cigarros/dia) (grupo de estudo) e 32 controles que nunca estiveram expostos à fumaça de cigarro foram escolhidos aleatoriamente entre crianças de 4 a 6 anos. Foram determinados os níveis de cotinina urinária e de indicadores do estado oxidativo e antioxidativo, isto é, estado oxidante total (EOT), capacidade antioxidante total (CAT) e índice de estresse oxidativo (IEO). RESULTADOS: A média do consumo ambiental de cigarros foi de 22±13 cigarros por dia nas crianças fumantes passivas. Os níveis médios de cotinina urinária foram 77,6±41,4 ng/mL e 11,9±2,3 ng/mL nos grupos de estudo e controle, respectivamente (p < 0,001). Os níveis médios da CAT plasmática foram 0,95±0,13 mmol equivalente de Trolox/L e 1,01±0,09 mmol equivalente de Trolox/L, respectivamente (p = 0,039). Os níveis médios de EOT plasmático foram 28,6±7,9 µmol H2O2 equivalente/L e 18,5±6,3 µmol H2O2 equivalente/L, respectivamente (p < 0,001). Os níveis médios de IEO foram 3,08±0,98 unidade arbitrária e 1,84±0,64 unidade arbitrária, respectivamente (p < 0,001). Uma pequena quantidade de fumaça de cigarro (cinco a 10 cigarros/dia) causa estresse oxidativo considerável. Não houve correlações significativas entre o número de cigarros consumidos e os níveis de estado oxidante e de IEO. CONCLUSÕES: O tabagismo passivo é um potente oxidante em pré-escolares. Seus efeitos deletérios não se limitam apenas tabagismo passivo pesado, mas também ocorrem com a exposição a pequenas quantidades de fumaça.

Keywords : Antioxidantes; cotinina; oxidantes; fumo passivo; pré-escolares.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese