SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.88 issue2A randomized, double-blind, placebo-controlled trial of cyproheptadine for appetite stimulation in cystic fibrosisAssessment of sleep quality in adolescents with temporomandibular disorders author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Jornal de Pediatria

Print version ISSN 0021-7557

Abstract

ALFONZO, Miguel Antonio et al. Estado funcional dos linfócitos T CD4+ e CD8+ e seu papel na progressão lenta da infecção por HIV em pacientes pediátricos. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2012, vol.88, n.2, pp. 161-168. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.2223/JPED.2183.

OBJETIVO: Avaliar o estado funcional dos linfócitos T CD4+ e CD8+ de pacientes pediátricos venezuelanos infectados pelo HIV-1. MÉTODOS: As crianças foram agrupadas como progressoras rápidas (PRs) ou progressoras lentas (PLs), com base no quadro clínico. Para determinar a funcionalidade dos linfócitos T CD4+ e CD8+, foram utilizadas técnicas de citometria de fluxo e caracterizados parâmetros de funcionalidade dessas células por meio de testes ex vivo como expressão de CD95/Fas e de CD127 e frequência de apoptose. Além disso, determinamos, em células mononucleares de sangue periférico, a proliferação do HIV e a produção de interleucina-10 (IL-10), do fator de necrose tumoral alfa (TNF-α) e de interferon gama (IFN-γ), e também estimamos o IFN-γ intracelular em células T CD4+. RESULTADOS: Nossos resultados indicam que vários mecanismos moleculares e celulares dos linfócitos T CD4+ e CD8+ tiveram piora nos PRs em comparação com PLs e controles. Ambos os tipos de linfócitos T dos PRs apresentaram aumento na expressão de CD95/Fas (p < 0,01), redução na expressão de CD127 (p < 0,01) e elevação na frequência de apoptose (p < 0,01). Além disso, as células T desses pacientes apresentaram diminuição na capacidade de proliferação mitogênica (p < 0,05), redução na porcentagem de linfócitos T CD4+ produtores de IFN-γ (p < 0,05) e menor capacidade de produção de IL-10, TNF-α e IFN-γ (p < 0,01) em comparação com PLs e controles. CONCLUSÃO: Nossos resultados indicam que o declínio das respostas moleculares e celulares dos linfócitos T está relacionado a uma rápida progressão e à diminuição na resistência à infecção pelo HIV-1 em crianças.

Keywords : HIV; progressão; pacientes pediátricos; função imunológica.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese