SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.88 número5Intervenção educacional com base em modelo para aumentar a atividade física entre adolescentes iranianosYouth Quality of Life Instrument-Research version (YQOL-R): propriedades psicométricas em uma amostra comunitária índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal de Pediatria

versão impressa ISSN 0021-7557

Resumo

MENEZES, Thaysa Maria Gama Albuquerque Leão de  e  MOTTA, Maria Eugênia Farias Almeida. Prevalência de doença celíaca em crianças e adolescentes com miocardite e cardiomiopatia dilatada. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2012, vol.88, n.5, pp.439-442. ISSN 0021-7557.  http://dx.doi.org/10.2223/JPED.2219.

OBJETIVO: Determinar a prevalência de doença celíaca em pacientes portadores de cardiomiopatia dilatada e miocardite. MÉTODOS: Foram avaliados 56 pacientes, com idade entre 1 e 18 anos, portadores de cardiomiopatia dilatada ou miocardite, acompanhados no Instituto Materno Infantil Professor Fernando Figueira. Foram excluídos pacientes com diagnóstico prévio de doença celíaca. A classe funcional da insuficiência cardíaca foi determinada segundo os critérios da American Heart Association, como classe funcional I, II, III e IV. O diagnóstico de miocardite foi relatado em prontuário, e o de cardiomiopatia dilatada, pelo ecocardiograma, a partir da presença de disfunção sistólica de um ou ambos os ventrículos, com fração de ejeção menor que 55% e dilatação ventricular, com diâmetro diastólico final ventricular esquerdo maior que 112%. Nos pacientes incluídos no estudo, foi aplicado um formulário com informações sobre sintomatologia gastrointestinal e cardiológica; em seguida, dosadas sorologias para anticorpos antitransglutaminase tecidual humana e antiendomísio. Aqueles com sorologia positiva foram encaminhados à biópsia intestinal para avaliação histológica para doença celíaca, segundo os critérios de Marsh. RESULTADOS: Uma das 56 crianças apresentou sorologia antitransglutaminase positiva (1,8%), porém anticorpo antiendomísio negativo. A histologia intestinal demonstrou atrofia total das vilosidades. Cerca de 30% dos pacientes apresentaram insuficiência cardíaca. Sinais e sintomas gastrointestinais foram frequentes nos pacientes, em especial dor abdominal (70%, 39/56). CONCLUSÃO: A frequência de doença celíaca em pacientes com cardiomiopatia dilatada e miocardite foi de 1,8%. É importante investigar doença celíaca nos pacientes com essas doenças cardíacas para evitar evolução das doenças e deterioração clínica do paciente.

Palavras-chave : Cardiomiopatia dilatada; miocardite; prevalência; diagnóstico.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons