SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.52 issue10 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Papéis Avulsos de Zoologia (São Paulo)

Print version ISSN 0031-1049

Abstract

CHAABAN, Sameh Ben; CHERMITI, Brahim  and  KREITER, Serge. Effects of host plants on distribution, abundance, developmental time and life table parameters of Oligonychus afrasiaticus (McGregor) (Acari: Tetranychidae). Pap. Avulsos Zool. (São Paulo) [online]. 2012, vol.52, n.10, pp.121-133. ISSN 0031-1049.  http://dx.doi.org/10.1590/S0031-10492012001000001.

A biologia e ecologia do ácaro da tamareira O. afrasiaticus foram estudadas através de inspeções regulares em oásis Tunisianos e observações em laboratório. Os resultados indicam que a data inicial da infestação dos frutos variou entre os anos e pelo tipo de variedade das tamareiras. Datas iniciais variaram entre a primeira e a terceira semana de julho. O período passado pelo ácaro nos frutos variou de acordo com o tipo de tamareira, sendo de 8 semanas na variedade "Deglet Noor", de 2 a 5 semanas na "Alig", 2 a 4 semanas nas tâmaras "Kentichi", e 2 a 4 semanas nos frutos "Bessr". A variedade "Deglet Noor" foi a mais sensível ao O. afrasiaticus. As Populações de ácaros nas pinhas permaneceram baixas de maio a dezembro. Durante o outono e na primavera, O. afrasiaticus foi encontrado em folhas de sorgo no solo dos pomares. Um estudo tabelado com o ciclo de vida em laboratório, a 27°C, em seis plantas hospedeiras (tâmaras das variedades "Deglet Noor", "Alig", "Kentichi", "Bessr", as pinhas de "Deglet Noor" e folhas de sorgo) mostrou que o ciclo de vida de O. afrasiaticus variou entre as diferentes plantas hospedeiras com valores médios de 13 dias nos frutos Alig e 10,9 dias em folhas de sorgo. Uma fecundidade relativamente alta foi observada em folhas de sorgo (2 ovos/fêmea/dia) durante 5,2 dias de ovipostura, enquanto valores mais baixos de fecundidade foram observados nas pinhas "Deglet Noor" e frutos "Alig" com 0,7 ovos/fêmea/dia durante 5,4 dias. A longevidade média das fêmeas de O. afrasiaticus variou entre 13,4 a 7,5 dias nos frutos "Deglet Noor" e folhas de sorgo, respectivamente. A taxa intrínseca de aumento (rm) foi mais alta em folhas de sorgo (0,171) e frutos "Deglet Noor" (0,166), e mais baixos nos frutos "Alig" (0,103). Um maior conhecimento da história de vida e abundância sazonal desta espécie é necessário para que estratégias apropriadas de controle possam ser elaboradas.

Keywords : Taxa de aumento intrínseco (rm); Tamareiras; Tunísia Meridional; "Deglet Noor"; Seasonal abundance.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License