SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.55 issue3Minimum anesthetic volumes for extraconal retrobulbar block: comparison between 0.5% racemic bupivacaine, levobupivacaine and enantiomeric mixture S75/R25 bupivacaineValidation of a scale for the assessment of paravertebral muscle contraction during lumbar puncture author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Anestesiologia

Print version ISSN 0034-7094

Abstract

BENARAB, Maria do Carmo B. Sammartino; CASTIGLIA, Yara Marcondes Machado; VIANNA, Pedro Thadeu Galvão  and  BRAZ, José Reinaldo Cerqueira. Avaliação da função renal do idoso em duas horas. Rev. Bras. Anestesiol. [online]. 2005, vol.55, n.3, pp. 269-278. ISSN 0034-7094.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-70942005000300003.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os idosos têm diminuição progressiva da função renal e os hipertensos, maior risco de lesão renal adicional no intra-operatório. Avalia-se a função renal pela depuração da creatinina, com débito urinário de 24 horas, para diluir o erro de possível volume vesical residual (VVR). O objetivo deste trabalho foi avaliar a função renal pré-operatória de idosos hipertensos e não-hipertensos, com débito urinário de duas horas, utilizando aparelho de ultra-som portátil para determinação do volume vesical residual. MÉTODO: Foram analisados 30 pacientes, distribuídos em dois grupos, Gn (15), idosos não-hipertensos, e Gh (15), idosos hipertensos, coletando-se urina durante 2 horas. Mediu-se o VVR com aparelho de ultra-som portátil. Analisaram-se os seguintes parâmetros: idade, sexo, estado físico, altura, peso, índice de massa corpórea, creatinina plasmática e urinária, sódio e potássio plasmáticos e urinários, osmolalidade plasmática e urinária, débito urinário, depuração da creatinina, osmolar e de água livre, excreção urinária e fracionária de sódio e potássio. Comparou-se a depuração estimada de creatinina com a depuração da creatinina. RESULTADOS: Os pacientes de Gn e Gh não apresentaram diferenças significativas quanto à maioria dos parâmetros estudados. Os idosos hipertensos apresentaram tendência a maior excreção fracionária de sódio e o potássio plasmático mostrou-se mais baixo nos hipertensos, porém com valores normais. A depuração estimada de creatinina correlacionou-se positivamente com a de creatinina apenas em Gn. CONCLUSÕES: Os pacientes hipertensos apresentaram potássio plasmático mais baixo e excretaram mais sódio, tendo ocorrido correspondência entre a depuração estimada de creatinina e a depuração da creatinina apenas para os pacientes do grupo dos não-hipertensos.

Keywords : ANESTESIA, Geriátrica; DOENÇAS [hipertensão arterial]; SISTEMA RENAL [função].

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese