SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.56 issue3Effects of increasing spinal hyperbaric lidocaine concentrations on spinal cord and meninges: experimental study in dogsOptic nerve ischemia after spine surgery: case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Anestesiologia

Print version ISSN 0034-7094

Abstract

MACHADO, Luciano Brandão et al. Análise da celularidade do lavado bronco-alveolar em pacientes submetidos à revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea: relato de três casos. Rev. Bras. Anestesiol. [online]. 2006, vol.56, n.3, pp. 263-272. ISSN 0034-7094.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-70942006000300006.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A circulação extracorpórea (CEC) é um dos principais determinantes da resposta inflamatória sistêmica (SIRS) em cirurgia cardíaca. Demonstrou-se em modelo experimental que a CEC pode levar a aumento na produção das citocinas. No intuito de avaliar a ativação celular no pulmão após CEC, foi estudada a celularidade no lavado bronco-alveolar (LBA) em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio (RM) com CEC. RELATO DOS CASOS: Foram estudados, prospectivamente, três pacientes adultos submetidos à RM com CEC. Após indução de anestesia geral e intubação traqueal, a ventilação mecânica foi realizada com sistema circular valvular; exceto durante a CEC, o volume corrente foi mantido entre 8 e 10 mL.kg-1 com O2 e ar, numa proporção de 50%. Antes do despinçamento da aorta, foram realizadas insuflações pulmonares com pressão de 40 cmH2O e coletadas duas amostras de LBA de cada paciente, no início da intervenção cirúrgica e ao final do procedimento, após a reversão da anticoagulação. Após a infusão de 60 mL de solução fisiológica a 0,9% pelo canal do broncofibroscópio, foi aspirado o LBA, sendo o material encaminhado para processamento laboratorial. A análise evidenciou aumento do número total de células, em média, de 0,6.106 cél.dL-1 para 6,8.106 cél.dL-1 com aumento de neutrófilos de 0,8% para 4,7%; 0,6% para 6,2% e 0,5% para 5,3% em cada paciente, respectivamente. Observou-se na lâmina o aumento de celularidade no fluido pulmonar após a CEC. CONCLUSÕES: O influxo leucocitário é descrito em diversas condições clínicas pulmonares inflamatórias, como na síndrome da angústia respiratória do adulto. Sabe-se que a CEC está relacionada com a inflamação sistêmica e pulmonar, demonstrando aumento do número de células após a CEC com o predomínio de macrófagos.

Keywords : CIRURGIA, Cardíaca [circulação extracorpórea]; CIRURGIA, Cardíaca [revascularização]; COMPLICAÇÕES [reação inflamatória pulmonar].

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese