SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 issue6Treatment of laryngeal spasm in pediatric anesthesia by retroauricular digital pressure: case reportCompression of the cricoid cartilage: current aspects author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Anestesiologia

Print version ISSN 0034-7094

Abstract

SBARDELOTTO, Cristian; YOSHIMI, Mauro Matsumoto; PEREIRA, Raquel da Rocha  and  CASTRO, Renato Almeida Couto de. Quebra de cateter no espaço peridural. Rev. Bras. Anestesiol. [online]. 2008, vol.58, n.6, pp. 637-642. ISSN 0034-7094.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-70942008000600009.

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A quebra do cateter peridural durante sua remoção é rara, porém descrita. O conhecimento das possíveis complicações e o manuseio adequado são responsabilidades do anestesiologista. O objetivo deste relato foi apresentar caso de quebra de cateter peridural em analgesia de parto. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 33 anos, GII, PI, deu entrada na maternidade em trabalho de parto. Após duas horas de evolução, a paciente solicitou analgesia. Ao exame, encontrava-se em fase ativa do trabalho de parto, com dilatação cervical de 5 cm, dinâmica uterina regular, bolsa rota, com dor classificada pela Escala Visual Analógica - VAS 10. Iniciada a analgesia de parto pela técnica combinada com dupla punção. Durante a evolução foi feita uma complementação analgésica pelo cateter. Na retirada houve pequena dificuldade e conseqüente rompimento do mesmo. Optou-se pela realização de uma tomografia axial computadorizada e radiografia da região lombar que não mostrou evidência do fragmento do cateter. Visto que a paciente evoluiu assintomática clinicamente, sem sinais de irritação radicular, dor ou infecção, procedeu-se às devidas orientações e alta hospitalar. CONCLUSÕES: Cateteres peridurais em região lombar são, em ocasiões raras, difíceis de remover. Fatores que podem aumentar as chances de formação de nós e risco de quebra do cateter foram relacionados. Neste caso, um dos principais fatores envolvidos foi a introdução excessiva do cateter peridural lombar. Felizmente, as complicações neurológicas são ainda mais raras, e seguindo as diretrizes de uma tração lenta e suave na ausência de parestesias, na maioria das vezes, o cateter é removido com sucesso.

Keywords : ANALGESIA [parto]; COMPLICAÇÕES [cateter peridural]; COMPLICAÇÕES [quebra].

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese