SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 número2Práticas educativas desenvolvidas por enfermeiras: repercussões sobre vivências de mulheres na gestação e no partoIdentificação e tratamento da dor no recém-nascido prematuro na Unidade de Terapia Intensiva índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Enfermagem

versão impressa ISSN 0034-7167

Resumo

BELEZA, Ana Carolina Sartorato; FERREIRA, Cristine Homsi Jorge; SOUSA, Ligia de  e  NAKANO, Ana Márcia Spanó. Mensuração e caracterização da dor após episiotomia e sua relação com a limitação de atividades. Rev. bras. enferm. [online]. 2012, vol.65, n.2, pp.264-268. ISSN 0034-7167.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672012000200010.

Trata-se de um estudo descritivo realizado com cinquenta mulheres em pós-parto vaginal com episiotomia. Objetivou-se mensurar e caracterizar a dor perineal em primíparas submetidas ao parto normal com episiotomia e verificar as atividades limitadas pela dor. Para avaliação da dor foi utilizada a Escala Numérica e o Questionário McGill, bem como um formulário para analisar as atividades que estavam limitadas. A média de dor perineal encontrada foi cinco. As categorias sensorial e avaliação subjetiva foram as mais selecionadas no Questionário McGill. A dor perineal foi caracterizada como latejante, que repuxa, que esquenta, ardida, dolorida, chata, incômoda, que prende e que deixa tensa. Sentar, deitar e deambular foram as atividades mais limitadas. Em conclusão, foi possível verificar a presença de dor perineal nas puérperas causada pela episiotomia e identificar que as atividades de sentar, deitar e deambular estavam limitadas por este sintoma.

Palavras-chave : Dor; Período pós-parto; Episiotomia; Saúde da mulher.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons