SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 número2Dilemas éticos em UTI: contribuições da Teoria dos Valores de Max SchelerIdentificação e mapeamento das ações de enfermagem prescritas para pacientes internados em uma UTI de adultos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista Brasileira de Enfermagem

versão impressa ISSN 0034-7167

Resumo

DUARTE, Silvana Triló et al. Praticando o silêncio: intervenção educativa para a redução do ruído em Unidade de Terapia Intensiva. Rev. bras. enferm. [online]. 2012, vol.65, n.2, pp. 285-290. ISSN 0034-7167.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672012000200013.

O objetivo deste estudo foi avaliar se os níveis de pressão sonora dentro da UTI são diminuídos após intervenção educativa com a equipe multiprofissional. Foram mensurados os níveis de ruído no interior da UTI (através de um decibelímetro instalado próximo à cabeceira de um paciente) durante sete dias, sendo repetido o procedimento após uma intervenção educativa, a qual consistiu de palestras, cartazes e dramatizações, entre outros. Houve grande redução do nível de ruído entre o período pré e pós-intervenção, em todos os horários avaliados. As principais fontes de ruídos dentro da UTI foram da própria equipe. Os níveis de ruído encontrados estiveram acima do recomendado. O estudo mostrou que, com uma intervenção educacional junto à equipe da UTI e sua conscientização sobre os mecanismos e efeitos, é possível haver redução dos níveis de ruído e consequente eestressee do ambiente.

Palavras-chave : Ruído; Ruído ocupacional; Educação; Unidades de Terapia Intensiva.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · pdf em Português