SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.70 issue6Study of correlation between optic disc size and corneal geometry and biomechanicsAnalysis of corneal keratometry in patients with hemifacial spasm author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Oftalmologia

Print version ISSN 0034-7280

Abstract

RIBEIRO, Lívia Adnet Martins et al. Características e prevalência do pterígio em comunidades ribeirinhas dos Rios Solimões e Japurá localizados na Amazônia Brasileira. Rev. bras.oftalmol. [online]. 2011, vol.70, n.6, pp. 358-362. ISSN 0034-7280.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-72802011000600004.

OBJETIVO: Avaliar a prevalência e as características do pterígio em comunidades ribeirinhas dos rios Solimões e Japurá, estado do Amazonas, Brasil. MÉTODOS: Foi realizado um estudo observacional, em comunidades ribeirinhas dos rios Solimões e Japurá. Os dados foram coletados por dois avaliadores em três expedições médico oftalmológicas, num período de 9 meses, que abrangeram 55 comunidades ribeirinhas, totalizando 1295 pacientes examinados, sendo 659 maiores de 18 anos. Os portadores de pterígio foram analisados através de um questionário abrangendo sexo, idade e atividade laborativa ao sol ou não. O tamanho da lesão foi quantificado em graus. RESULTADOS: A prevalência do pterígio na população geral foi de 21.2%. A prevalência entre os maiores de 18 anos foi de 41.1%. A faixa etária mais acometida foi a de 41 a 50 anos. Dos portadores, 42.2% eram do sexo feminino e 57.8% do sexo masculino. 89.5% dos pacientes acometidos pela lesão trabalhavam ao ar livre. Dos portadores, 75.6% apresentavam acometimento de ambos os olhos. Dos pacientes acometidos, 48.7% possuíam pterígio grau 2, 44.0% apresentavam a lesão de grau 1, 5.4% de grau 3 e 1.8% de grau 4. Dos olhos acometidos, 85.0% apresentavam somente pterígio nasal, 2.9% apresentavam somente pterígio temporal e 14.5% apresentavam pterígio temporal e nasal. CONCLUSÃO: Nosso estudo, nos rios Solimões e Japurá, revelou a existência de uma das maiores taxas de pterígio do mundo, em uma região que nunca havia sido avaliada.

Keywords : Pterígio [epidemiologia]; Prevalência; Brasil; Amazônia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese