SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.72 número6Traumas oculares no serviço de urgência da Fundação Banco de Olhos de GoiásAnálise dos fatores de risco e epidemiologia em campanha de prevenção da cegueira pelo glaucoma em João Pessoa, Paraíba índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Oftalmologia

versão impressa ISSN 0034-7280

Resumo

HIDA, Wilson Takashi et al. Elaboração e validação do questionário de satisfação dos pacientes pseudofácicos em português. Rev. bras.oftalmol. [online]. 2013, vol.72, n.6, pp.388-395. ISSN 0034-7280.  https://doi.org/10.1590/S0034-72802013000600007.

OBJETIVO: Elaborar e validar o questionário de qualidade de vida na versão do idioma português. MÉTODOS: O questionário "Cataract TyPESpecification" modificado foi desenvolvido especificamente para avaliar a qualidade de vida pós-cirurgia de catarata. O questionário avaliou 10 itens status funcionais por meio de 18 perguntas. Foi aplicado por um único examinador, com o objetivo de graduar a satisfação visual de 0 a 10 (0 muito insatisfeito; 5 neutro; 10 muito satisfeito). Houve estudo prospectivo comparativo, não randomizado, que incluiu 142 olhos de 71 pacientes com catarata da Universidade de São Paulo. A avaliação oftalmológica contou com medida da acuidade visual para longa, intermediária e curta distâncias, sem correção e com a melhor correção óptica e questionário de satisfação. Foi submetido a um questionário de satisfação quanto à acuidade visual e fenômenos fóticos. Todos os exames foram realizados com 6 meses de pós-operatório. RESULTADOS: A média de idade dos pacientes foi de 60,7 ± 6,6 anos no grupo Tecnis, 63,1 ± 4,4 anos no grupo Restor e 63,7 ± 4,2 anos no grupo SN60AT/SN60WF. A acuidade visual para perto não-corrigida e a corrigida para longe foram estatisticamente superiores nos grupos Restor® e Tecnis® comparadas ao grupo SN60AT/SN60WF (p<0,001). Não houve diferença estatística entre os grupos quando comparadas a acuidade visual para longe não-corrigida e a melhor corrigida (p=0,56). O questionário de satisfação apresentou maior independência de óculos a favor da Tecnis® (9,3/10) e Restor® (8,7/10), mas com mais queixas de halos (Restor® 18,8%; Tecnis® 21,7%) e glare (Restor® 25%; Tecnis® 26,1%) do que no grupo SN60AT/SN60WF. CONCLUSÃO: A Restor® e Tecnis® apresentaram melhor acuidade visual para perto do que o grupo SN60AT/SN60WF. As lentes Restor® e Tecnis® apresentaram maior satisfação na visão de perto e independência do uso de óculos e fenômenos fóticos do que as lentes monofocais. O questionário "Cataract TyPESpecification" foi uma variável importante na qualidade de vida e satisfação do paciente após a cirurgia de catarata.

Palavras-chave : Acuidade visual; Visão; Extração de catarata; Lentes intraoculares; Qualidade vida; Questionários; Estudos de validação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons