SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 issue1Unmasking keratoconus: effect of corneal epithelium in keratoconusApplication of the WINROP model in Retinopathy of Prematurity (ROP) screening in a Portuguese cohort of premature infants author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Oftalmologia

Print version ISSN 0034-7280On-line version ISSN 1982-8551

Abstract

ALMODIN, Juliana; ALMODIN, Flavia; DALL'OGLIO, Lincoln  and  DANTAS, Isabella. Eficácia do travoprosta 0,004% na redução da pressão intraocular em pacientes com glaucoma. Rev. bras.oftalmol. [online]. 2019, vol.78, n.1, pp.27-29. ISSN 0034-7280.  https://doi.org/10.5935/0034-7280.20190006.

Objetivo:

avaliar a eficácia do colírio TRAVAMED® (travoprosta 0,004%) (Ofta, Brasil) na redução da pressão intraocular (PIO), em pacientes com glaucoma primário de ângulo aberto (GPAA) ou hipertensão ocular (HO), bem como avaliar os efeitos colaterais decorrentes do uso da droga.

Métodos:

estudo randomizado, controlado, com 70 olhos de 38 pacientes acima de 18 anos de idade, com diagnóstico de GPAA ou HO. Todos os pacientes receberam o colírio TRAVAMED® como primeira droga a ser introduzida no tratamento, tendo sido utilizada uma gota uma vez ao dia (à noite), e 30 dias após foram submetidos à tonometria de aplanação (Goldmann) para mensuração da PIO, com o mesmo examinador, no mesmo tonômetro e nos mesmos horários.

Resultados:

A média de redução da PIO após 30 dias de uso do TRAVAMED® foi de 7,46 mmHg. Em relação aos efeitos colaterais, 15,71% (11) dos olhos apresentaram hiperemia conjuntival, 8,57% (6) apresentaram dor, 8,57% (6) apresentaram ardência, 2,86% (2) apresentaram embaçamento visual e em 1,56% (1) dos olhos não houve queda significativa da PIO.

Conclusão:

A medicação TRAVAMED® foi eficiente na redução da PIO após 30 dias de uso contínuo, na dose de 1x/dia. Acerca dos efeitos colaterais, os mais observados foram hiperemia ocular (15,71%), dor (8,57%) e ardência (8,57%), porém estudos com maior tempo de seguimento se fazem necessários.

Keywords : Glaucoma; Hipertensão ocular/tratamento farmacológico; Travoprosta/efeitos adversos.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )