SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue3Gestão do custo da qualidade nas empresas químicas do Brasil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista de Administração de Empresas

Print version ISSN 0034-7590

Abstract

SILVEIRA, Alexandre Di Miceli da; BARROS, Lucas Ayres B. de C.  and  FAMA, Rubens. Estrutura de governança e valor das companhias abertas brasileiras. Rev. adm. empres. [online]. 2003, vol.43, n.3, pp. 50-64. ISSN 0034-7590.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-75902003000300005.

A governança corporativa visa a aumentar a probabilidade de os fornecedores de recursos garantirem para si o retorno sobre seu investimento, por meio de um conjunto de mecanismos no qual se inclui o Conselho de Administração. Este artigo investiga se a estrutura de governança foi relevante para o valor das companhias abertas no Brasil entre 1998 e 2000. Três variáveis de governança foram consideradas: separação dos cargos de diretor executivo e presidente do conselho (DE), tamanho do conselho (TOT) e grau de independência do conselho (INDEP). Utilizou-se uma regressão múltipla do tipo seção transversal. DE foi a variável com os resultados mais importantes, apresentando evidência de que, em média, as empresas que têm pessoas distintas ocupando os cargos de diretor executivo e presidente do conselho são mais valorizadas pelo mercado.

Keywords : Governança corporativa; conselho de administração; valor da empresa; teste empírico; problema de agência.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese