SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue5Evaluation of the protective efficacy of an antimeningococcal vaccine for serogroups B and C Neisseria meningitidis infections in Brazil, 1990/92Evaluation of the use of the International Classification of Diseases for the codification of AIDS author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista de Saúde Pública

On-line version ISSN 1518-8787

Abstract

MORAES, Suzana Alves de  and  SOUZA, José Maria Pacheco de. Efeito dose-resposta de fatores de risco para a doença isquêmica do coração. Rev. Saúde Pública [online]. 1996, vol.30, n.5, pp. 471-478. ISSN 1518-8787.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101996000500010.

 Resultados de diversos estudos têm apontado a relevância da hipertensão arterial, do hábito de fumar e da hipercolesterolemia como fatores de risco para a doença isquêmica do coração (DIC). Poucos autores têm investigado a existência de gradiente linear relacionando a quantidade destas exposições com os eventos coronarianos. Com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes graus de exposição a estas variáveis sobre a DIC, procedendo-se ao ajustamento para possíveis variáveis de confusão, foi feito estudo planejado sob a forma de desenho tipo caso-controle, tendo a coleta de dados se estendido de março de 1993 a fevereiro de 1994. Foram estudados 833 indivíduos de ambos os sexos, na faixa etária compreendida entre 30 e 69 anos completos, sendo todos residentes no Município de São Paulo, SP (Brasil). Foram comparados 280 casos com 553 controles (285 controles de vizinhança e 268 controles hospitalares). A técnica estatística utilizada para a análise dos dados foi a regressão logística multivariada. Os resultados permitiram identificar gradiente linear para as variáveis duração da hipertensão arterial e para número de cigarros consumidos/dia. As variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia, embora tendo apresentado "odds ratios" significantes para as respectivas categorias de exposição, não apresentaram gradiente linear. Foram discutidos aspectos metodológicos que poderiam exercer influência sobre a tendência dos "odds ratios" nas categorias de exposição das variáveis duração do hábito de fumar e duração da hipercolesterolemia. Conclui-se que os efeitos dose-resposta observados para as variáveis duração da hipertensão arterial e número de cigarros consumidos/dia foram independentes da presença nos modelos de potentes fatores de risco para a doença isquêmica do coração.

Keywords : Isquemia miocárdica; Estudos de casos e controles; Fatores de risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License