SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue5Knowledge, attitude and practice of breast self-examination in health centersComparison between different mortality risk scores in a neonatal intensive care unit author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

ESPEJO, Ximena et al. Adequação do conhecimento sobre métodos anticoncepcionais entre mulheres de Campinas, São Paulo. Rev. Saúde Pública [online]. 2003, vol.37, n.5, pp. 583-590. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102003000500006.

OBJETIVO: Realizou-se uma análise de dados secundários para avaliar a adequação do conhecimento sobre métodos anticoncepcionais e sua associação com características socioeconômicas e demográficas. MÉTODO: Foi estudada uma amostra de 472 mulheres da Cidade de Campinas, Estado de São Paulo. Aplicou-se o teste qui-quadrado para avaliar diferenças entre as variáveis, e realizou-se análise múltipla por regressão logística para identificar as variáveis independentes associadas à adequação do conhecimento (medida através de um escore). RESULTADOS: Pouco menos da metade das mulheres alcançou um escore de conhecimento dos métodos anticoncepcionais maior que seis, classificado como adequado. A maior escolaridade e a melhor classificação de estrato socioeconômico associaram-se a um maior escore de conhecimento. CONCLUSÃO: Os resultados apontam a necessidade de maiores investimentos na educação das mulheres de modo geral e, especificamente, quanto à contracepção. Ao mesmo tempo, é necessário que os profissionais que trabalham nos serviços públicos de saúde estejam capacitados para proverem acesso aos métodos e à informação adequada sobre eles.

Keywords : Anticoncepção; Conhecimentos, atitudes e prática; Saúde da mulher [fatores socioeconômicos]; Educação em saúde; Serviços de saúde para mulheres.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese