SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue6Epidemiology of sickle cell disease hospital admissions in BrazilInternalized opression and high-risk sexual practices among homosexual and bisexual males, Mexico author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Saúde Pública

On-line version ISSN 1518-8787

Abstract

EYER-SILVA, Walter A; BASILIO-DE-OLIVEIRA, Carlos Alberto  and  MORGADO, Mariza G. Infecção pelo HIV e AIDS em um pequeno município no Sudeste brasileiro. Rev. Saúde Pública [online]. 2005, vol.39, n.6, pp.950-955. ISSN 1518-8787.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102005000600013.

OBJETIVO: Estudos sobre as características da infecção pelo HIV em pequenos municípios brasileiros são de grande importância para o desenho de estratégias de intervenção, para a alocação apropriada de recursos e melhoria da assistência. O objetivo foi investigar as características clínicas e epidemiológicas da infecção pelo HIV em um pequeno município. MÉTODOS: Foi realizado estudo descritivo em Miracema, município do noroeste do Estado do Rio de Janeiro, entre julho de 1999 e dezembro de 2003. Foram analisados todos os pacientes adultos com diagnóstico de infecção pelo HIV atendidos no Programa Municipal de HIV/Aids. Dados clínicos e epidemiológicos foram coletados prospectivamente por meio de questionário padronizado. RESULTADOS: Foram analisados no total 65 pacientes adultos que receberam atendimento no Programa Municipal de HIV/Aids. A maioria (34) eram mulheres (razão de sexos homem-mulher de 0,9). Encontrou-se preponderância absoluta de pacientes que nasceram em Miracema ou municípios vizinhos (94%), moravam em Miracema (90,7%), eram solteiros (70,8%), atribuíam a aquisição da infecção ao contato heterossexual desprotegido (72,3%) e tinham antecedentes de uso de cocaína inalada (27,7%). Desordens do sistema nervoso central (incluindo cinco casos de neurocriptococose) e insuficiência respiratória aguda semelhante à pneumocistose pulmonar foram as principais causas de morbidade. A maioria dos pacientes (56,9%) iniciou acompanhamento em estágios avançados de infecção pelo HIV. CONCLUSÕES: A preponderância de pacientes em estágios avançados de infecção pelo HIV sugere a existência de um grande reservatório de casos não diagnosticados na comunidade. Uma característica marcante da casuística foi a inversão da razão de sexos homem-mulher. Investigações adicionais cobrindo áreas geográficas maiores são urgentemente necessárias para o melhor entendimento do espectro clínico e epidemiológico da infecção pelo HIV em pequenos municípios brasileiros e áreas rurais.

Keywords : Síndrome de imunodeficiência adquirida [epidemiologia]; Infecção por HIV [epidemiologia]; Assentamentos rurais; Pequenos municípios; Brasil.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License