SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 suppl.1Incidência de tuberculose e taxa de cura, Brasil, 2000 a 2004Representações sociais da tuberculose: estigma e preconceito índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0034-8910versão On-line ISSN 1518-8787

Resumo

DALCOLMO, Margareth Pretti; ANDRADE, Mônica Kramer de Noronha  e  PICON, Pedro Dornelles. Tuberculose multirresistente no Brasil: histórico e medidas de controle. Rev. Saúde Pública [online]. 2007, vol.41, suppl.1, pp.34-42. ISSN 0034-8910.  https://doi.org/10.1590/S0034-89102007000800006.

O objetivo do artigo foi analisar o controle da tuberculose multirresistente no Brasil, com base nas experiências de instituições de referência e dos principais estudos de determinação das taxas locais e nacionais de resistência. Foram consideradas as medidas de controle e a situação atual de diagnóstico e tratamento, a partir da implementação das diretrizes nacionais, revisadas em 2004. O primeiro inquérito nacional de resistência aos medicamentos anti-tuberculose foi realizado em meados da década de 1990. A partir de seus resultados, foi validado e adotado um regime terapêutico nacional para todos os casos de tuberculose multirresistente. Medidas governamentais possibilitaram a implementação de um sistema de vigilância epidemiológica, cujos resultados também são comentados.

Palavras-chave : Tuberculose resistente a múltiplas drogas [prevenção e controle]; Tuberculose resistente a múltiplas drogas [história]; Avaliação de resultado de intervenções terapêuticas; Vigilância epidemiológica; Programas nacionais de saúde; Brasil.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons