SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 número6Atividade física de gestantes e desfechos ao recém-nascido: revisão sistemáticaSurto de raiva humana transmitida por morcegos em povoado da Amazônia brasileira índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0034-8910versão On-line ISSN 1518-8787

Resumo

REBELO, José Manuel Macário et al. Distribuição de Lutzomyia whitmani em fitorregiões do estado do Maranhão, Brasil. Rev. Saúde Pública [online]. 2009, vol.43, n.6, pp.1070-1074.  Epub 18-Dez-2009. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102009005000072.

O estudo teve por objetivo caracterizar a distribuição geográfica de Lutzomyia whitmani s.l. no estado do Maranhão. De 1992 a 2005, foram capturados 9.600 espécimes (machos: 65,1% e fêmeas: 34,9%) nas zonas rurais e urbanas de 35 municípios situados em áreas de floresta, cerrado e vegetação mista com cocal, restinga e caatinga. A abundância foi maior no peridomicílio (91,6%) do que no intradomicílio (8,4%). A ocorrência do vetor em diferentes fitorregiões e nas áreas rurais e urbanas favorece a transmissão da leishmaniose tegumentar nesses ambientes. É possível que esse táxon constitua um complexo de espécies no Maranhão, o que poderá ser confirmado mediante estudos de biologia molecular.

Palavras-chave : Psychodidae [crescimento & desenvolvimento]; Leishmaniose Cutânea; Vetores de Doenças; Zonas Rurais; Urbanização; Biogeografia.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons