SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue1Actions of health group coordinators within the teaching/care networkKnowledge industry: a powerful mechanism author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

MIRANDA, J Jaime  and  ZAMAN, M Justin. Exportando "fracasso": porquê a pesquisa de países desenvolvidos pode não beneficiar os países em desenvolvimento. Rev. Saúde Pública [online]. 2010, vol.44, n.1, pp.185-189. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102010000100020.

O "gap 10/90" foi inicialmente apontada pelo Global Forum for Health Research. Refere-se ao achado de que 90% dos gastos mundiais em pesquisa médica é voltada a problemas que afetam apenas 10% da população mundial. Resultados de pesquisa aplicáveis provenientes dos países ricos aos problemas dos pobres poderiam ser uma solução tentadora, conveniente e potencialmente fácil para solução desse gap. O artigo teve por objetivo apresentar argumentos de que tal abordagem acarretaria o risco de exportar fracassos. Intervenções em saúde que se mostram efetivas no contexto específico de um país ocidental industrializado necessariamente não funcionará em um país em desenvolvimento.

Keywords : Pesquisa Biomédica, tendências; Cooperação Técnica; Países Desenvolvidos; Países em Desenvolvimento; Medicina Baseada em Evidências.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License