SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.48 número1Validade convergente entre o SF-36 e o WHOQOL-BREF em idososPromoção da saúde: desafios revelados em práticas exitosas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0034-8910

Resumo

CARUS, Juliana Pires; FRANCA, Giovanny V A  e  BARROS, Aluísio J D. Local e tipo das refeições realizadas por adultos em cidade de médio porte. Rev. Saúde Pública [online]. 2014, vol.48, n.1, pp.68-74. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-8910.2014048004720.

OBJETIVO

: Descrever as refeições realizadas por adultos quanto ao local e tipo de preparação consumido em cidade de médio porte, do sul do Brasil.

MÉTODOS

: Estudo transversal, de base populacional, na cidade de Pelotas, RS, em 2012. A amostragem foi realizada em dois estágios, tendo os setores censitários do Censo Demográfico de 2010 como unidade amostral primária. Foram coletadas informações sobre o local das refeições (em casa ou fora de casa) e sobre o tipo de preparação consumida em casa (comida caseira, lanches, comida de restaurante) nos dois dias prévios à entrevista, utilizando-se questionário padronizado.

RESULTADOS

: Participaram do estudo 2.927 adultos: 59,0% mulheres, 60,0% com idade abaixo de 50 anos e 58,0% estava trabalhando. Foram obtidas informações sobre 11.581 refeições nos dois dias anteriores à entrevista, sendo 25,0% delas realizadas fora de casa, no almoço, e 10,0% no jantar. Quanto às refeições realizadas em casa, a maioria dos participantes referiu ter consumido comida preparada em casa, tanto no almoço quanto no jantar. A maioria das refeições fora de casa (64,0% no almoço e 61,0% no jantar) foram realizadas no local de trabalho, majoritariamente preparadas em casa. As refeições fora de casa foram realizadas principalmente por pessoas do sexo masculino, jovens, com alta escolaridade. Quanto à ocupação, os grupos que tiveram refeições mais frequentemente em restaurantes foram trabalhadores do comércio, empresários, professores e profissionais de nível superior.

CONCLUSÕES

: Apesar das mudanças que vêm sendo registradas nos padrões de alimentação do brasileiro, adultos residentes em cidades de médio porte ainda se alimentam majoritariamente em casa e de comida caseira.

Palavras-chave : Hábitos Alimentares; Consumo de Alimentos; Comportamento Alimentar; Inquéritos Demográficos; Estudos Transversais.

        · resumo em Inglês | Espanhol | Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )