SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue6Production of Shistosoma mansoni cercariae by Biomphalaria glabrata from a focus in Belo Horizonte, Minas Gerais author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

MAGALHAES, Juracy B.  and  ANDRADE, Sonia G.. Investigação da possibilidade de cura espontânea de camundongos infectados com cepas diferentes de Trypanosoma cruzi . Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 1994, vol.36, n.6, pp. 481-484. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651994000600001.

Setenta camundongos Suíços, cronicamente infectados com diferentes cepas do Trypanosoma cruzi, cuja parasitemia se manteve negativa ao exame de rotina do sangue periférico, foram investigados parasitologicamente com o objetivo de verificar se houve cura espontânea dos mesmos. A duração da infecção variava entre 90 e 250 dias quando os camundongos foram inicialmente investigados. Os testes parasitológicos usados foram: pesquisa direta de parasitos no sangue periférico, feita diariamente, durante pelo menos 25 dias, seguida de xenodiagnóstico e subinoculação do sangue em camundongos recém-nascidos. Os camundongos que mostraram resultados negativos foram tratados com uma dose de Ciclofosfamida de 250 mg/Kg peso corporal e submetidos subsequentemente a xenodiagnóstico e subinoculação de sangue em camundongos recém-nascidos. Uma segunda dose de Ciclofosfamida, de 250 mg/Kg peso corporal foi aplicada aos camundongos persistentemente negativos. Com apenas uma exceção, todos os camundongos cronicamente infectados tiveram testes parasitológicos positivos em diferentes etapas da presente investigação. Concluimos que neste grupo representativo da fase crônica da infecção por diferentes cepas do T. cruzi, não ocorreu cura espontânea.

Keywords : Trypanosoma cruzi; Spontaneous cure; Chronic infection; Murine model; Cyclophosphamide.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English