SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue3Paracoccidioidomycosis associated with acquired immunodificiency syndrome: report of seven casesDracunculiasis in a dog in Formosa - Argentina. Case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

ZAITZ, Clarisse et al. Hialo-hifomicose subcutânea por Acremonium recifei: registro de um caso . Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 1995, vol.37, n.3, pp. 267-270. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651995000300015.

Os autores registram caso de hialo-hifomicose subcutânea por Acremonium recifei em paciente branca, imunocompetente, natural da Bahia, com história de traumatismo no dorso da mão direita. A lesão era indolor, com edema, inflamação, presença de fístulas, secreção seropurulenta, e ausência de grãos. O exame histopatológico mostrou hifas septadas hialinas pela hematoxilina-eosina. Cultura positiva para Acremonium recifei, espécie identificada em 1934, pela primeira vez, por Arêa Leão & Lobo, com o nome de Cephalosporium recifei, de um caso de eumicetoma podai por grãos branco-amarelados. Tratamento com itraconazol, 200 mg ao dia, com evolução favorável e cura do processo. No Brasil, trata-se do primeiro registro de hialohifomicose provocado por esta espécie, cujo habitat deve ser o solo.

Keywords : Subcutaneous hyalohyphomycosis; Acremonium recifei; Itraconazol.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English