SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue2A TEN-YEAR SURVEY OF Tinea pedis IN THE CENTRAL REGION OF THE RIO GRANDE DO SUL, BRAZILINFLUENCE OF MICROBIOTA IN EXPERIMENTAL CUTANEOUS LEISHMANIASIS IN SWISS MICE author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

LACAZ, Carlos da Silva et al. Paracoccidioides brasiliensis: Estudo de duas amostras sob o ponto de vista micológico e imunoquímico. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 1999, vol.41, n.2, pp. 79-86. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651999000200004.

Os Autores estudaram do ponto de vista micológico, imunoquímico e de sua biologia molecular, duas amostras de Paracoccidioides brasiliensis, uma isolada do solo, no município de IBIÁ (MG) por Silva-Vergara et al. (l996,1998)20,21 denominada IBIÁ e outra, BAT, cultivada de um caso humano de paracoccidioidomicose em Ribeirão Preto (SP) por Freitas da Silva (l996)6. Tais amostras apresentam colônias cotonosa (M) e leveduriforme (L ou Y), sendo patogênicas para cobaios inoculados por via testicular, produzindo orquite granulomatosa e/ou supurativa. Do ponto de vista imunoquímico, através de provas de Imunodifusão dupla, Imunoeletroforese e Western Blotting, foi demonstrada a presença da gp43. A sequência de nucleotídeos do DNA de tais amostras, através do seqüenciamento de 761 bases, revelou homologia de 100% com amostra padrão de P. brasiliensis, o mesmo ocorrendo com três amostras humanas, uma isolada de fezes de pinguim e outra de ração alimentar para cães contaminada com terra. São discutidos vários aspectos dos resultados obtidos, comparando-os com alguns dados da literatura.

Keywords : Paracoccidioides brasiliensis; Paracoccidioidomycosis; Immunochemical study.

        · abstract in English     · text in English